Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Botafogo sufoca no fim, vence o Palmeiras, mas paulistas vão às oitavas

Equipe comandada por Felipão quase tomou uma virada improvável no fim do jogo, porém mesmo perdendo por 3 a 1, avançou no torneio continental

iG São Paulo | - Atualizada às

Após levar um sufoco no fim da partida e quase tomar uma virada improvável do Botafogo nesta quarta, o Palmeiras se classificou para as oitavas de final da Copa Sul-Americana depois de perder por 3 a 1 para os cariocas, no Engenhão. O time de Felipão conquistou a vaga, pois venceu o jogo de ida por 2 a 0 e o gol fora de casa definiu o confronto.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Os paulistas enfrentam nas oitavas da Sul-Americana o vencedor do confronto entre Guarani, do Paraguai e Millonarios, da Colômbia. As partidas entre paraguaios e colombianos acontecem nos dias 30 de agosto e 19 de setembro.

Mesmo classificado para as oitavas no torneio continental, o Palmeiras segue em situação incômoda no Brasileirão, próximo à zona do rebaixamento. O time de Felipão ocupa a 16ª posição, com apenas 16 pontos e tem o clássico contra o Santos no sábado, às 18h30 (horário de Brasília). O Botafogo , sétimo colocado, pega o Flamengo, no domingo.

Veja fotos desta quarta pelos torneios sul-americanos:

O jogo
Para se classificar, o Botafogo precisava derrotar o Palmeiras por três gols de diferença ou vencer por 2 a 0 e levar a decisão da vaga para os pênaltis. Porém, mesmo precisando do resultado, os cariocas não começaram a partida pressionando os paulistas. Com mais posse de bola, o Botafogo não conseguia criar chances de gol, enquanto o Palmeiras apostava nos contra-ataques, mas sem sucesso.

Futura Press
Seedorf pega sobra dentro da área e abre o placar para o Botafogo

Somente aos 30 minutos veio a primeira chance do jogo. Barcos assustou Jefferson em chute de longe, que passou perto do gol.

Leia mais:  "Imortal", Grêmio marca no fim, elimina Coritiba e avança na Copa Sul-Americana

Foi aí que as duas equipes acordaram e o jogo ganhou em emoção.O lateral Lucas recebeu lançamento de Andrezinho, em posição de impedimento, tentou driblar Bruno, foi derrubado, mas Seedorf acompanhava o lance e só empurrou para a rede. Obina tentou o empate em bela bicicleta, porém mandou para a fora.

O Palmeiras igualou o placar aos 42. Patrik recebeu passe de Barcos e bateu cruzado no canto direito de Jefferson. Após o empate, a tarefa do Botafogo era ainda mais difícil, precisava marcar mais três gols para avançar.

Confira ainda:  Romário xinga Mano e cria campanha no Twitter por demissão

Os cariocas voltaram mais atentos na segunda etapa e Renato ampliou aos 11, após receber passe de Seedorf e bater na saída de Bruno. Elkeson quase fez o terceiro do Botafogo, mas mandou cabeçada na trave. 

EFE
Barcos recebe falta de Seedorf no primeiro tempo

A tarefa que parecia impossível ao final do primeiro tempo tornou-se viável. O uruguaio Lodeiro completou cruzamento de Lucas pela direita e fez o terceiro do Botafogo, colocando mais pressão ainda no Palmeiras. Barcos quase diminuiu para o Palmeiras em chute cruzado, mas era a equipe carioca quem fazia de tudo para fazer o gol da classificação.

Mesmo com todo o ímpeto botafoguense para marcar mais um, os palmeirenses se seguraram e o placar não se modificou até o fim.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 3 x 1 PALMEIRAS

Local: Estádio Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 22 de agosto de 2012, quarta-feira
Horário : 22 horas (de Brasília)
Árbitro: Leandro Vuafen (Fifa-RS)
Assistentes: Márcio Santiago (Fifa-MG) e Fabricio Vilarinho (Fifa-GO)

Cartões amarelos:  Jeferson Paulista (BOT); Juninho, Patrik e Román (PAL)

Gols: Seedorf aos 34 e Patrik aos 42 do 1º tempo; Renato aos 11 e Lodeiro aos 27 do 2º tempo

BOTAFOGO: Jéfferson; Brinner, Antonio Carlos (Jeferson Paulista) e Fábio Ferreira: Lucas, Renato, Andrezinho, Seedorf e Lima (Cidinho) : Elkeson e Rafael Marques (Lodeiro)
Técnico: Oswaldo de Oliveira

PALMEIRAS: Bruno; Román (Luiz Gustavo) , Maurício Ramos e Leandro Amaro; Henrique, João Vitor, Patrik (Thiago Heleno), Juninho e Mazinho; Obina (Betinho) e Barcos
Técnico: Luiz Felipe Scolari

Leia tudo sobre: palmeirasbotafogocopa sul-americana

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG