Tamanho do texto

Técnico aproveita contusão de Eder Luis para escalar Tenório ao lado de Alecsandro em coletivo

O treinador Cristovão Borges está disposto a fazer mudanças na equipe do Vasco para tornar o ataque mais eficiente. No treino tático realizado na manhã desta quarta-feira, em São Januário, o comandante cruzmaltino testou a dupla formada por Alecsandro e Tenório e ficou satisfeito com o resultado. Cada um dos atacantes marcou um gol e o técnico praticamente confirmou que os atletas começarão jogando o clássico deste sábado, diante do Fluminense, no Engenhão.

Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

Tenório treina entre os reservas e prende a atenção de Juninho
Site oficial
Tenório treina entre os reservas e prende a atenção de Juninho

Durante a movimentação, Cristovão Borges manteve Juninho Pernambucano e Felipe juntos no meio-campo, ao lado de Nilton e Wendel, dando a entender que será esta a formação do setor. Com dores musculares, Carlos Alberto foi poupado pelo departamento médico, mas ficará com opção para meio-campo ou ataque. O atacante Eder Luis está vetado desde segunda-feira, por causa de dores na coxa direita.

Leia mais:  Lesão de Éder Luis é confirmada e atacante não pega o Fluminense

No treino tático, o técnico deu ênfase especial ao lado direito da equipe, onde Juninho Pernambucano e Auremir tabelaram repetidas vezes, trocaram de posição e criaram várias chances de gol para os companheiros. O lateral-direito Jonas, contratado junto ao Coritiba, entrou durante o treinamento para substituir Auremir, mas Cristovão Borges deu mostras de que manterá o ex-jogador do Náutico na posição.

Veja também:  Ainda pensando em derrota no clássico, Alecsandro "cutuca" o Flamengo

Contratado como volante, sua posição original, Auremir foi improvisado como lateral após a saída de Fágner e agradou a comissão técnica. Outra mudança realizada foi a entrada de Fabrício na zaga, substituído Douglas. No entanto, o setor ofensivo não deve ser alterado.

O goleiro Fernando Prass também foi poupado por estar sentindo dores no ombro esquerdo, mas não preocupa para o próximo jogo. Depois da atividade, Cristovão, Juninho Pernambucano e Felipe se reuniram no gramado e tiveram longa conversa, com direito a gestos variados.

Novidades - A dificuldade de Cristovão Borges para realizar treinamentos coletivos em função do elenco reduzido fez a comissão técnica decidir aproveitar alguns jogadores que estão representando o clube na Taça Belo Horizonte de juniores. A partir de setembro, os meio-campistas Jhon Cley, 18 anos, Marlone, 20 anos, e o atacante Romário, 20 anos, passarão a trabalhar com o elenco profissional, segundo informou o diretor de futebol do Vasco, Daniel Freitas.

Os três jovens já assinaram contrato com o clube de São Januário, sendo que Cley e Romário já atuaram na equipe titular durante o último Campeonato Carioca. Romarinho, filho do ex-jogador Romário, e Rodrigo, filho do presidente Roberto Dinamite, já treinaram com os profissionais durante o mês de junho, mas foram devolvidos às divisões de base.

    Leia tudo sobre: futebol