Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Ney revela que chamou Juvenal na concentração para motivar São Paulo

"Era o momento de ter o presidente ali para passar mais tranquilidade. Também não fiz isso para tirar peso nenhum das minhas costas", disse o técnico

Gazeta | - Atualizada às

O presidente Juvenal Juvêncio voltou a visitar a concentração do São Paulo antes de uma partida importante. Desta vez, não foi com a intenção de interferir na escalação da equipe ou para dar uma bronca nos jogadores, que haviam perdido nas três rodadas anteriores do Campeonato Brasileiro. O mandatário recebeu um convite do técnico Ney Franco para motivar o elenco a vencer a Ponte Preta neste sábado, no Morumbi. Deu resultado: 3 a 0.

Veja também:  São Paulo se recupera e vence a Ponte Preta com gol de Ceni na volta de Lucas

"Liguei hoje ( sábado ) para o Adalbeto ( Baptista, diretor de futebol ) e pedi para ele chamar o presidente na concentração. Ele me atendeu", contou Ney, fazendo questão de garantir que não se tratava de nenhuma interferência em seu trabalho. "Era o momento de ter o presidente ali para passar mais tranquilidade. Também não fiz isso para tirar peso nenhum das minhas costas".

E mais:  Lucas promete tentar convencer Ganso a se transferir para o São Paulo

A estratégia do técnico para resgatar emocionalmente seus comandados era dizer que confiava em todos diante de Juvenal. "A cada tropeço nosso, eu tinha que vir a público para falar do potencial da nossa equipe. Quando a gente perdia, a primeira pergunta era sempre sobre a capacidade do nosso elenco para disputar o Brasileiro. Ratifiquei, na frente do presidente, que a gente tem elenco, principalmente com as voltas de jogadores importantes", disse.

Veja fotos dos jogos deste sábado do Brasileirão:


O sempre eloquente Juvenal Juvêncio, no entanto, também não deixaria de se manifestar na palestra para o confronto com a Ponte Preta. "A fala dele foi muito boa, positiva, para o alto. Ele entrou mais na área da necessidade de vitórias, o que nos ajudou emocionalmente para a partida", avaliou Ney.

Os jogadores endossaram as palavras do técnico. Segundo eles, a conversa com o presidente foi importante para elevar a confiança da equipe. Ney Franco espera que a motivação dure bastante: "O São Paulo está trabalhando para dar uma arrancada e tem experiências positivas nesse sentido. Precisamos de regularidade agora".

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG