O experiente meia Lincoln viu injustiça no resultado, mas aproveitou para destacar o espírito de luta dos companheiros

Felipe tenta passar pela marcação de Éverton Ribeiro
Agência O Globo
Felipe tenta passar pela marcação de Éverton Ribeiro

O Coritiba conseguiu sair na frente do Vasco, em São Januário, permitiu a virada no segundo tempo, mas arrancou o empate no finalzinho da partida, em 2 a 2 , encerrando o jejum de três jogos seguidos com derrota no Campeonato Brasileiro. O meia Éverton Ribeiro, autor do gol salvador aos 43 minutos da etapa final, acredita que o desempenho mostrou que o grupo está em evolução.

Leia mais:  Juninho reclama de falta de atenção na bola parada

"Nosso time mais uma vez jogando bem, não deixando ser dominado. Estamos no caminho certo. Temos que sair na frente e segurar um pouco mais o resultado", avaliou o jogador, que pede união total para afastar a equipe de vez das proximidades da zona da degola. "Vamos trabalhar juntos, jogadores, comissão técnica e a torcida apoiando para sair dessa situação", acrescentou.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Já o experiente meia Lincoln viu injustiça no resultado, mas aproveitou para destacar o espírito de luta dos companheiros durante os 90 minutos. "Foi uma partida positiva para nós. O resultado em si de repente não faz jus, já que tivemos oportunidades mais claras que as do Vasco. Estamos de parabéns, não por nossa situação, mas por aquilo que a equipe fez hoje, pois empenho nunca nos faltou", disse.

Com a recorrência de partidas jogando bem, mas saindo sem o resultado positivo, o zagueiro Pereira alerta para necessidade de somar mais pontos. "Fizemos algo semelhante com o que aconteceu contra o Corinthians. Saímos na frente, mas temos que tomar cuidar com os detalhes. Isso pesa, custa caro. Agora precisamos fazer o dever de casa. Ficar ali (na zona de rebaixamento) gera um mal estar. Um pontinho foi de bom tamanho", concluiu.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.