Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Carlos Alberto diz que bota a cara para bater

Barrado contra o Coritiba, meia afirmou ter mantido entusiasmo e quando entrasse daria sua contribuição atrás da vitória

iG Rio de Janeiro | - Atualizada às

Com a volta de Felipe, recuperado de dores no joelho direito que o deixaram fora de combate por duas rodadas, sobrou para Carlos Alberto. O meia perdeu a posição e acabou indo para o banco de reservas. Mas nem assim desanimou. O camisa 84 do Vasco pode até não ter gostado, mas sua postura diante do Coritiba, no empate em 2 a 2 na noite desta quinta-feira, foi de um líder.

Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

Agência O Globo
Jogadores do Vasco comemoram o gol de empate marcado por Felipe com passe de Carlos Alberto

Antes mesmo do fim do primeiro tempo, o torcedor, insatisfeito com a atuação de William Barbio, pedia a entrada do ex-capitão cruzmaltino. A alteração, no entanto, só aconteceu no intervalo. E Carlos Alberto entrou dando o passe o gol de Felipe, aos três minutos. É nestas horas, conta o jogador, que os mais experientes devem dar a cara para bater.

Leia mais:  Cristóvão acalma torcida após tropeço em casa no último minuto

“Se a situação aperta, tem que chamar o jogo, chamar a responsabilidade. Foi isso que eu fiz. Gosto do que faço, jogando ou não, estarei sempre com a mesma disposição. Se tiver que entrar no segundo tempo, vou entrar para tentar resolver”, disse Carlos Alberto.

Veja também:  Apesar de empate em casa, Cristóvão vê Vasco motivado para pegar Flamengo

Desde a saída de Diego Souza, o meia passou a titular. Foram seis partidas seguidas atuando com regularidade. Mas neste jogo especificamente contra o Coritiba, como não tinha Eder Luis e Tenório, o técnico Cristóvão Borges optou por Barbio por considerar o adversário um time leve e a velocidade do atacante ajudaria nos contra-ataques.

Com 35 pontos, o Vasco volta a campo domingo, no Engenhão, contra o Flamengo. A equipe terá o reforço do zagueiro Dedé, que serviu à seleção brasileira na vitória de 3 a 0 sobre a Suécia. Com 35 pontos, os cruzmaltinos ocupam a terceira posição no Campeonato Brasileiro, atrás de Fluminense (36) e Atlético-MG (38).

Leia tudo sobre: vascocarlos albertobrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG