Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Penta de 2002 garante prestígio de Felipão entre os torcedores

Carreira de sucesso e conquista da Copa de 2002 coloca técnico como líder em enquete

iG São Paulo |

O título conquistado com o Brasil em 2002 credencia Luiz Felipe Scolari a ainda ser o mais
querido técnico do país sob o ponto de vista do torcedor. O currículo recheado de conquistas
por Palmeiras e Grêmio, além da carreira construída na Europa na seleção de Portugal e no
Chelsea aumenta a boa impressão deixada pelo treinador junto à opinião pública.

AE
Felipão tem o apoio da torcida para comandar o Brasil na Copa de 2014

Nascido em Passo Fundo, em 1948, Felipão foi um jogador sem destaque nacional e não foi
além de um zagueiro mediano de times do interior do Rio Grande do Sul entre as décadas de
60 e 70. Mas foi com essa experiência adquirida nos campos onde se mata cachorro a grito que
o treinador iniciou sua carreira de sucesso.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A primeira experiência foi fora do Rio do Grande do Sul, no CSA de Alagoas, em 1982. Mas seu
primeiro grande título veio no sul, em 1991, quando levou o Criciúma ao título da Copa do Brasil. A partir dali, após passagem em clubes árabes, e acerto com o Grêmio em 1993, que sua trajetória no futebol mudou definitivamente. No seu clube de coração levou a Libertadores de 1995 e se colocou entre os melhores do país.

A ótima passagem pelo Palmeiras, entre 1997 e 2000, com outro título continental, só aumentou o prestígio de Felipão no país. Em 2001, quando estava no Cruzeiro, e a seleção ia mal das pernas, recebeu o convite que mudaria a sua história e da seleção brasileira. No ano seguinte, em Yokohama, a vitória brasileira sobre a Alemanha na final da Copa confirmou sua competência e o colocou para sempre entre os técnicos mais queridos do país.

Leia tudo sobre: Felipãoseleção brasileiraCopa 2014

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG