Atacante não conseguiu visitar as redes do time gaúcho, mas gostou do desempenho do time

O torcedor da Ponte Preta atendeu aos chamados da diretoria e compareceu em peso ao estádio Moisés Lucarelli. Os 9.010 pagantes que deixaram suas casas para acompanhar o duelo diante do Grêmio cantaram para empurrar o time, mas não puderam comemorar nenhum gol no empate por 0 a 0 desta quinta-feira. A frustração que estampou o semblante de alguns, entretanto, não foi compartilhada pelo elenco, que aprovou a igualdade ante os gaúchos.

Leia também: Atlético-MG passa pelo Coritiba e volta à ponta do Brasileirão

Artilheiro da Macaca no Campeonato Brasileiro, o atacante Roger tomou a palavra e fez elogios ao time nesta rodada. O atleta destacou a força que o Grêmio tem dentro e fora de seus domínios e valorizou o ponto somado em Campinas. O resultado, inclusive, marca o primeiro empate do Tricolor gaúcho na competição – a equipe conquistou nove vitórias e cinco empates nas outras 14 partidas que disputou.

“Foi um bom jogo. As duas equipes estavam determinadas a buscar o gol e se mantiveram no ataque durante toda a partida. Não marcamos, mas temos que ver que empatar com o Grêmio é sempre um bom resultado. Apesar do duelo ser dentro da nossa casa e das oportunidades que criamos no primeiro tempo, temos que ter orgulho desse empate”, avaliou o centroavante.

Sem uma atuação de destaque no duelo desta quinta-feira, Roger viu o goleiro Edson Bastos se tornar o grande protagonista da Macaca. O arqueiro teve boa participação embaixo da meta alvinegra e conseguiu impedir o gol dos gremistas em diversas ocasiões. Em uma delas, o arqueiro se esticou todo e tirou com a ponta dos dedos o chute que Kleber havia colocado em seu ângulo esquerdo.

Agora, a Ponte Preta voltará a trabalhar para retomar o caminho das vitórias no Campeonato Brasileiro. Com o triunfo conquistado sobre o Cruzeiro, na última rodada, e o empate diante do Grêmio, o time comandado pelo técnico Gilson Kleina chega aos 20 pontos e se mantém na nona colocação. No próximo domingo, a equipe viajará até Porto Alegre, para medir forças com o Internacional, às 16 horas (de Brasília), no Beira-Rio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.