Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Tite atrela empate a marcação adversária e atuação fraca do Corinthians

Treinador acredita que sua equipe teve apresentação abaixo do comum no empate com o Atlético-GO no Pacaembu

Gazeta |

Muitos erros de passe e uma atuação abaixo das que o time está acostumado a ter. Foi, resumidamente, essa a análise de Tite a respeito do empate por 1 a 1 com o Atlético-GO , na noite desta quarta-feira, no Pacaembu. O treinador do Corinthians também não deixou de fazer elogios ao adversário, atualmente vice-lanterna do Campeonato Brasileiro .

O Corinthians ainda tem chances de chegar ao título do Brasileirão? Comente!

Gazeta Press
O técnico Tite sofreu com o desempenho do Corinthians contra o Atlético-GO

"Eles marcaram muito bem atrás, com cinco homens de meio-campo, o que gerou muita dificuldade. No segundo tempo, adiantei o Paulinho para agredir a marcação adversária. Isso nos deu uma melhor condição de jogo. Tomamos um gol de bola parada, méritos do adversário. Depois fizemos mudanças e chegamos ao empate, mas foi insuficiente", avaliou.

O fraco desempenho passou também pela ausência de Danilo, fora em virtude de dores na panturrilha direita. Sem o meia, o peruano Paolo Guerrero fez a estreia como titular, forçou uma mudança tática e, de novo, sentiu um pouco a falta de entrosamento com o restante do time.

Leia mais:  Cássio erra, Atlético-GO sai na frente e Corinthians só empata no Pacaembu

"Quando temos o Danilo, a bola bate e fica, ele tem característica de retenção. Isso dá tempo de a equipe toda sair de trás. Com dois homens de velocidade (Romarinho e Jorge Henrique) abertos, você tem a bola dos espaços, mas não a bola que prende. É natural passar por isso, com o Guerrero não temos ainda entrosamento", acrescentou Tite.

Outra ressalva feita pelo comandante corintiano após o terceiro empate seguido no Campeonato Brasileiro foi que, embora não vença há três rodadas, o Corinthians também não é derrotado há sete, o que o tirou da zona de rebaixamento após a conquista da Copa Libertadores.

Para tentar estender a invencibilidade, o grupo volta a trabalhar nesta quinta-feira, no CT Joaquim Grava, quando inicia preparação para o duelo de domingo com o Coritiba, no Couto Pereira.

Leia tudo sobre: brasileirão 2012corinthianstiteempate

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG