Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google

Drubskcy assume Atlético-PR confiante e já pensa em retomar o cargo

Time demitiu Jorginho e será comandado interinamente na próxima rodada da Série B

Gazeta |

Divulgação
Jorginho perdeu o cargo no Atlético-PR

O Atlético Paranaense será comandado por três cabeças na partida diante do América-RN, nesta terça-feira, no Estádio Nazarenão, pela Série B do Campeonato Brasileiro. Alberto Valentin, Marcio Henriques e Ricardo Drubskcy terão a dificil tarefa de montar uma equipe competitiva e começar a sair na crise enquanto um novo comandante não é anunciado. Drubskcy, antecessor de Jorginho, acredita que a fase rubro-negra é passageira e pode começar a mudar fora de casa.

Leia também: Após derrota, Atlético-PR demite o técnico Jorginho

"O Atlético quando entra em uma competição é cobrado para estar entre os primeiros. Todos os clubes passam por momentos de transição e vamos tentar contribuir da melhor maneira possível para buscar o caminho das vitórias", avaliou o interino, eu vai deixar a montagem do time para momentos antes da partida. "Temos alguns jogadores que saíram do departamento Médico e vamos analisar apenas amanhã para montar a equipe", completou.

Sobre os reforços pedidos pelo técnico Jorginho, que chegaram como principais opções para o elenco, como são os casos de Elias, Henrique e Felipe, análise é que todos querem ajudar, mas precisam ser enciaxados da maneira correta na equipe. "Algumas contratações importantes vieram e são jogadores que vão nos ajudar. Vamos tentar encaixar a melhor forma de jogar e buscar os resultados rapidamente que é o que o torcedor e todos nós queremos", garantiu.

Sem novo treinador, Drubskcy ganha espaço - Com a desistência de buscar Paulo Roberto Falcão e a negativa de Levir Culpi, o Furacão segue sem treinador. As especulações colocam Toninho Cerezo como candidato, mas, no momento, quem ganha espaço é Drubskcy, que aproveita para ‘secar’ a diretoria, querendo seu cargo de volta. "Digo com sinceridade que eu torço pra ficar, falei com o presidente e disse que eu to torcendo para que não achem um treinador tão cedo, e que nenhum queira vir, porque eu tenho competência suficiente para ajustar esta equipe", finalizou.

Entre para a torcida virtual do Atlético-PR e comente a situação do clube

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG