Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Desfalcado, Santos visita o Náutico para se afastar de vez da zona da degola

Time alvinegro faz mais uma partida sem Neymar e Ganso, e coloca suas esperanças no também jovem Victor Andrade

iG São Paulo | - Atualizada às

Sem mais dois titulares - os volantes Arouca e Adriano, suspensos -, o Santos precisa da vitória contra o Náutico neste domingo, às 18h30 (horário de Brasília), no estádio dos Aflitos, pela 14 rodada do Campeonato Brasileiro, para não correr o risco de voltar para a zona de rebaixamento. Além da dupla de volantes, o time da Baixada ainda terá mais cinco desfalques: o goleiro Rafael (recupera-se de contusão no cotovelo), lateral Fucile (vai operar o pé esquerdo), o zagueiro Edu Dracena (passou por cirurgia e só volta em 2013), além dos astros Neymar e Ganso, em Londres para a disputa dos Jogos Olímpicos com a seleção brasileira.

Quem vence: Náutico ou Santos? Deixe seu palpite!

AE
Volante Arouca é mais um desfalque no Santos

Sem Adriano, o técnico Muricy Ramalho deve escalar Éwerthon Páscoa no lugar para fechar o meio. Para a vaga de Arouca, o comandante alvinegro tem algumas opções. Uma delas seria a entrada de David Braz, formando um trio de zagueiros com Bruno Rodrigo e Durval. A outra seria a escalação do jovem Alan Santos ou a improvisação do lateral esquerdo Juan no setor. De qualquer forma, a resolução sobre a armação da equipe irá acontecer apenas momentos antes de a bola rolar.

“Temos muitos problemas no meio-campo. Então, a escalação só saí pouco antes da partida mesmo”, avisou Muricy Ramalho, que por pouco não perdeu o volante Henrique, com dores no púbis, para o confronto com os pernambucanos. Melhor das dores, o atleta irá jogar. Sobre o reencontro com o Náutico, clube pelo qual foi bicampeão pernambucano (2001 e 2002), o técnico santista demonstrou muito respeito e carinho pelo pelo time pernambucano, que voltou neste ano para a Série A do Brasileirão.

VEJA A CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO BRASILEIRO

“É um time pelo qual eu torço, de coração mesmo. Quando eu cheguei lá a situação era muito ruim, em termos de estrutura, de dinheiro. O Náutico estava há 12 anos sem títulos e fomos campeões. Ajudei a melhorar as coisas no clube e também abri mão de dinheiro. Eles reconhecem isso e sempre recebo alguma placa, quando vou jogar lá. Fora isso, é muito difícil jogar na casa deles. Fui técnico do Náutico e já os enfrentei algumas vezes nos Aflitos. É muito duro ganhar lá”, comentou.

Futura Press
Kieza está confirmado no ataque do Náutico

No Náutico, a missão é aproveitar o compromisso dentro de casa contra o desfalcado Santos, para voltar a vencer. O clube vem de três derrotas seguidas (Palmeiras, Coritiba e Portuguesa). “O Santos não vai ter quatro ou cinco jogadores titulares. Mesmo assim a essência da equipe é ser rápida e os meninos que vão entrar também serão rápidos e vão mostrar um bom futebol”, analisou o zagueiro Marlon.

VEJA: Vetado por sentir dores, Bernardo 'brilha' em rachão do Santos

Só que, para isso, os comandados do técnico Alexandre Gallo também precisam superar algumas ausências. O meia Rhayner, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, não atua contra. Em seu lugar, Cascata irá fazer a sua estreia na competição. O zagueiro Jean Rolt e o volante Elicarlos, ambos em tratamento no departamento médico, não devem jogar. O meia Cléverson, que vinha sendo improvisado na lateral direita, deve atuar em sua função de origem. Souza será mais recuado no meio-campo e formará dupla na cabeça-de-área ao lado de Martinez. Vale destacar que Gallo também deve promover a estreia do lateral direito Patric.

FICHA TÉCNICA - NÁUTICO X SANTOS
Campeonato Brasileiro 2012 - 14ª rodada
Local: estádio dos Aflitos, em Recife-PE
Data: 5 de agosto de 2012, domingo
Horário: 18h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio
Assistentes: Dibert Pedrosa Moisés e Evandro Gomes Ferreira

NÁUTICO: Felipe; Patric, Marlon, Ronaldo Alves e Lúcio; Martinez, Souza, Cléverson e Cascata; Kieza e Araújo Técnico: Alexandre Gallo

SANTOS: Aranha; Bruno Rodrigo, Durval e David Braz (Juan ou Alan Santos); Bruno Peres, Éwerthon Páscoa, Henrique, Felipe Anderson e Léo; Victor Andrade e Bill Técnico: Muricy Ramalho

Quem vence: Santos ou Náutico? Discuta na Torcida Virtual do iG Esporte

Leia tudo sobre: SantosNáuticoBrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG