Tentando iniciar uma série de vitórias, a equipe paulista recebe o lanterna catarinense

Geninho quer Portuguesa aguerrida em busca da segunda vitória seguida
AE
Geninho quer Portuguesa aguerrida em busca da segunda vitória seguida

As únicas três vitórias da Portuguesa no Campeonato Brasileiro foram no Canindé, enquanto o Figueirense disputou seis partidas fora de casa na competição e não conseguiu uma vitória sequer. Tentando iniciar uma série de vitórias, a equipe paulista recebe o lanterna catarinense neste sábado, às 21h (de Brasília), pela 14ª rodada do torneio nacional.

Confira a classificação atualizada do Brasileirão

Com a virada para cima do Náutico no último domingo, a Lusa restabeleceu a confiança e saiu até da zona de rebaixamento, assumindo a 15ª colocação. Na mesma rodada, o Figueira havia perdido por 1 a 0 para o Botafogo no Engenhão e não conseguiu deixar o último lugar.

Leia também: Luís Ricardo aposta na força do Canindé para Portuguesa embalar

O técnico Geninho não deseja apenas uma vitória da Lusa diante do Figueirense, mas uma boa atuação que convença o torcedor a seguir frequentando o estádio do Canindé na sequência do Campeonato Brasileiro: "O torcedor de início vem com base no que foi o último jogo. Não podemos obrigar o torcedor a vir se o time não honrar dentro de campo. Agora se a gente brigar em campo, criar, vencer o jogo, aí o torcedor joga junto".

O torcedor que comparecer ao Canindé, no entanto, não poderá ver dentro de campo o zagueiro Lima, que segue lesionado e sem previsão de retorno aos gramados, de acordo com o departamento médico do clube, e também sem o volante Guilherme, impedido de atuar por questões contratuais - ele solicitou a saída do clube após a sexta partida no Brasileirão e aguarda a definição de seu futuro.

Assim, Geninho deve compor o setor defensivo com os mesmos jogadores da vitória por 3 a 1 sobre o Náutico: Gustavo e Valdomiro, mantendo Rogério no banco de reservas. Na frente, por se tratar de uma partida dentro de casa, os três atacantes estão garantidos e Bruno Mineiro à disposição para substituir Ricardo Jesus. Héverton e Ananias completam o time. Já do lado do Figueirense, os desfalques são o lateral direito Pablo, que não tem sido titular sob o comando de Hélio dos Anjos, e o meia-atacante Roni, ambos suspensos pelo terceiro cartão amarelo. O comandante busca a primeira vitória depois de dois resultados negativos e um empate desde que assumiu o time catarinense.

Em contrapartida, Hélio ganhou os reforços de três atacantes para a partida: Caio e Loco Abreu, que não entraram em campo na última rodada, contra o Botafogo, por conta de questões contratuais, e Júlio César, que estava suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Assim, caso Hélio mantenha a ideia dos treinos de quinta-feira, em Goiânia, e sexta, em São Paulo, os três devem formar o setor ofensivo do Figueira contra a Lusa.

"Conseguimos um empate importante fora de casa, contra o Atlético-GO (pela primeira fase da Copa Sul-americana). Agora precisamos voltar a pensar no Campeonato Brasileiro. É uma questão de confiança e estamos mudando de rumo", bradou Hélio dos Anjos. No que depender do retrospecto, o time de Geninho leva vantagem: em dez confrontos na história, foram cinco vitórias da Portuguesa, três do Figueirense e dois empates.

FICHA TÉCNICA PORTUGUESA x FIGUEIRENSE

Local : estádio Doutor Osvaldo Teixeira Duarte, o Canindé, em São Paulo-SP
Data : 4 de agosto de 2012, sábado
Hora : 21 horas (de Brasília)
Árbitro : Sandro Meira Ricci (Fifa-PE)
Assistentes : Fabiano da Silva Ramires (Asp.Fifa) e Vanderson Antônio Zanoti (ambos do ES)

PORTUGUESA : Dida; Luis Ricardo, Gustavo, Valdomiro e Marcelo Cordeiro; Ferdinando, Léo Silva, Moisés e Héverton; Ananias e Bruno Mineiro
Técnico : Geninho

FIGUEIRENSE : Ricardo; Doriva, Fred, Anderson Conceição e Guilherme Santos; Jackson, Túlio e Pittoni; Caio, Júlio César e Loco Abreu
Técnico : Hélio dos Anjos

Entre para a torcida virtual da Portuguesa e comente o duelo com o Figueirense

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.