Igualdade veio no último minuto em cobrança de pênalti, gerando reclamações dos nordestinos

Bragantino e Asa fizeram jogo de quatro gols em Bragança Paulista
Futura Press
Bragantino e Asa fizeram jogo de quatro gols em Bragança Paulista

Buscando encerrar um jejum de sete jogos sem vitórias, o Bragantino recebeu o ASA-AL no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, pela 14ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar do domínio e de ter saído na frente, o Braga provou do próprio veneno ao sofrer com a retranca e empatou a partida no último minuto: 2 a 2.

Leia também: Criciúma vence mais uma e segue na liderança da Série B

De última hora, o técnico Marcelo Veiga foi obrigado a colocar Rafael Santos no gol, já que Alê, destaque na derrota para o Avaí na última sexta-feira, sentiu dores na coxa direita e não se recuperou a tempo. Outra surpresa foi a opção por um esquema com três atacantes, já que o treinador é constantemente tachado de defensivo.

Veja a classificação atualizada da Série B

Jogando em casa e precisando reverter este panorama, o Braga partiu para cima do adversário e acertou o travessão antes dos dez minutos de jogo. O ala Léo Jaime arriscou de fora da área e assustou o goleiro Gilson.

Os paulistas voltaram a incomodar o arqueiro alagoano, que fez boa defesa em cobrança de falta de Moreno. A resposta do ASA aconteceu aos 37 minutos, também em jogada de bola parada. Lucas bateu falta rasteira e Rafael Santos teve trabalho ao espalmar para escanteio.

A segunda etapa também começou com o Massa Bruto no ataque. Lincom recebeu na área, girou e bateu forte para excelente defesa de Gilson. Outra surpresa de última hora, o atacante Paulo Renê deu conta do recado e abriu o placar. O jogador aproveitou recuo mal feito de Gabriel Silva e tocou por cobertura, sem chances para Gilson.

O gol acordou o Fantasma das Alagoas, que quase deixou tudo igual em jogada de Didira. O zagueiro Preto Costa tentou cortar o cruzamento e, por pouco, não marcou contra. Minutos depois, no entanto, Roberto Jacaré não perdoou. O atacante recebeu belo passe de Didira, invadiu a área e bateu na saída de Rafael Santos.

Abalado na partida, o Bragantino passou a dar espaços para os alagoanos contra-atacarem. Em um desses lances, Lucas tabelou com Roberto Jacaré e bateu com força no canto esquerdo de Rafael Santos.

Quando a torcida bragantina já protestava por mais uma derrota, Lincom fez o pivô na grande área e foi derrubado claramente por Diego Borges. Na cobrança de pênalti, o centroavante não vacilou e deslocou o goleiro Gilson, deixando tudo igual no placar. Os jogadores do Fantasmão ficaram indignados e continuaram a reclamar com a arbitragem após o apito final.

O empate faz com que as equipes mantenham as posições na tabela. Os paulistas ocupam a 16ª colocação, enquanto os alagoanos continuam na zona de rebaixamento, em 17º lugar.

O próximo compromisso do Bragantino acontece na sexta-feira, quando visita o Vitória, em Salvador. O jogo será realizado às 21 horas (de Brasília) no estádio do Barradão. Já o ASA retorna para Arapiraca, onde enfrenta o América-MG às 16h20 de sábado, no Coaracy da Mata Fonseca.

FICHA TÉCNICA- BRAGANTINO 2 X 2 ASAL-AL

Local: Estádio Nabi Abi Chedid, Bragança Paulista (SP)
Data : 31 de julho de 2012, terça-feira
Horário : 21h50 (de Brasília)
Árbitro : Edivaldo Elias da Silva (PR)
Assistentes : Guilherme Dias Camilo (MG) e Celso Luiz da Silva (MG)
Cartões amarelos : Walter (Bragantino); Edson Veneno, Didira, Chiquinho Baiano e Diego Borges (ASA)

Gols:
BRAGANTINO : Paulo Renê, aos 16, e Lincom, aos 46 minutos do segundo tempo
ASA : Roberto Jacaré, aos 23, e Lucas, aos 39 minutos do segundo tempo

BRAGANTINO: Rafael Santos; Rafael Caldeira, Walter e Preto Costa (Gil); Victor Ferraz, Serginho, Moreno e Léo Jaime; Paulo Renê, Malaquias (Matheus) e Lincom
Técnico : Marcelo Veiga

ASA : Gilson; Fabiano, Edson Veneno e Diego Borges; Gabriel Silva, Jorginho (Geovane), Lucas (Valdívia), Didira e Chiquinho Baiano; Lúcio Maranhão e Roberto Jacaré (Alexsandro)
Técnico: Nedo Xavier

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.