Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Gol no fim e derrota fazem Caio cobrar mais atenção da Ponte Preta

Meio-campista reclamou de lance do segundo gol santista e quer time mais focado para melhorar no Brasileirão

Gazeta |

A Ponte Preta deu trabalho para o Santos na Vila Belmiro neste domingo e parecia encaminhar o empate fora de casa. Contudo, uma desatenção da equipe nos minutos finais da partida levou o clube a sua quinta derrota no Campeonato Brasileiro. O gol marcado por Miralles após um apagão da zaga irritou o time campineiro e fez com que o ataque cobrasse mais empenho e atenção dos atletas responsáveis pela defesa.

Deixe sua mensagem e comente a notícia com outros torcedores

Após uma confusão em sua área, a Ponte Preta deu espaço para o meia Felipe Anderson dominar na intermediária e alçar para dentro da área. O time parou a marcação e reclamou de um impedimento que não existia de Miralles. Sem se importar com a indecisão adversária, o argentino tomou a bola e driblou o goleiro Roberto para marcar o segundo de sua equipe na vitória por 2 a 1 do Santos.

O lance do gol santista surgiu após um bom momento da Ponte na partida. Depois de sair de campo com mais uma derrota nessas circunstâncias, o meia Caio reclamou da postura adotada por seu time e questionou os erros cometidos atrás. 

"O time está atacando, mas essa bola não está mais entrando. Estamos tomando gols de bobeira, com falta de atenção toda a hora. Temos que trabalhar para melhorar isso nas próximas rodadas", destacou o atleta, incomodado também com a ineficiência na frente. "Tivemos a oportunidade de fazer o gol como o Santos teve. Eles aproveitaram, enquanto a gente errou. Agora é levantar a cabeça e buscar os pontos."

Leia mais:  Santos bate a Ponte Preta com gol no fim e deixa a zona de rebaixamento

A chance da Ponte Preta encerrar sua incômoda sequência de quatro jogos sem vitória virá apenas no próximo domingo, em Belo Horizonte. A equipe visitará o Cruzeiro, no estádio Independência, com a missão de consertar os erros cometidos e se manter na parte superior da tabela de classificação. Neste momento, o time comandado pelo técnico Gilson Kleina está na décima posição, com 16 pontos conquistados nos 13 jogos disputados.

Leia tudo sobre: brasileirão 2012ponte pretacaioderrotadesatençãofalhadefesa

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG