Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Zé Carlos marca dois, Criciúma bate o Barueri e mantém a liderança

Time de Santa Catarina goleou por 4 a 1 e chegou ao nono jogo consecutivo sem derrota na série B

Gazeta |

Nesta sexta-feira, o Criciúma bateu o Grêmio Barueri fora de casa por 4 a 1 e garantiu a permanência na liderança do Campeonato Brasileiro Série B, alcançando também a nona partida consecutiva sem derrota. Zé Carlos, duas vezes, Lucca e Marlon marcaram para o time visitante, enquanto Thiago Elias diminuiu para o Barueri.

Veja a classificação atualizada e os próximos jogos da Série B

Os dez primeiros minutos do jogo foram muito movimentados, com as duas equipes tendo grandes oportunidades. Aos cinco, Rodrigo Possebon dominou de peito uma cobrança de falta de Lucca e, perto da pequena área, bateu mal e mandou a bola por cima do gol.

Leia mais: Avaí vence o Bragantino com gol no último minuto

A resposta do Barueri veio no minuto seguinte, com Wesley recebendo livre pela direita da área e batendo cruzado, acertando a trave direita de Douglas Leite. O placar, porém, seria mesmo aberto pelo Criciúma. Aos 25 minutos, Lucca aproveitou sobra após chute de Zé Carlos para, frente a frente com Matheus, tirar a bola do alcance do goleiro adversário.

Veja mais: Presidente do Barueri admite "erro" na contratação de Jóbson

Futura Press
Lucca comemora um dos gols do Criciúma sobre o Barueri

A vantagem duraria pouco, já que o Barueri conseguiu um empate relâmpago: dois minutos depois do gol dos visitantes, Thiago Elias foi lançado por Dionísio na área e pegou de primeira na bola para mandá-la ao fundo das redes.

Marcelinho Paraíba ainda ensaiou uma virada em forte cobrança de falta bem defendida por Douglas Leite aos 31 minutos. O Tigre logo construiu em cima da defesa, voltando a ficar à frente no placar três minutos depois, com Zé Carlos recebendo pela esquerda da área, cortando o marcador e chutando rasteiro ao gol.

Aos 27 minutos do segundo tempo, o artilheiro Zé Carlos perdeu a chance de marcar seu segundo gol na partida e trazer tranquilidade ao Criciúma ao receber pela esquerda da área e, cara a cara com Matheus, acertar a rede pelo lado de fora.

Na área, Martín Lucero desviou de letra um cruzamento vindo da direita de Thiago Elias e quase marcou um golaço aos 30 minutos, mas parou em boa intervenção de Douglas Leite. O Barueri pressionava em busca do empate, mas o Criciúma quase matou o jogo aos 37 minutos, quando Kléber invadiu a área em jogada individual e bateu com muito perigo à direita do gol de Matheus.

Zé Carlos recebeu de Kléber na entrada da área, ajeitou para a perna direita e soltou a bomba, marcando um belo gol aos 39 minutos para chegar ao seu 16ª gol no Campeonato Brasileiro Série B e garantir a vitória catarinense. Marlon ainda teve tempo de ampliar aos 48 após ser lançado por Zé Carlos pela esquerda da área e tocar por cima de Matheus.

Com a vitória, o Criciúma chega aos 32 pontos e garante a manutenção do Campeonato Brasileiro Série B ao final da 13ª rodada. Já o Grêmio Barueri segue em situação complicada, ocupando a penúltima posição com apenas seis pontos conquistados.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO-SP 1 X 4 CRICIÚMA

Local: Arena Barueri, em Barueri (SP)
Data: 27 de julho de 2012, sexta-feira
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: João Batista de Arruda
Assistentes: Marco A. Santos Pessanha e Eduardo de Souza Couto
Cartões amarelos: Dionísio e Wellington (Grêmio-SP) e Válber, Nirley e Rodrigo Possebon (Criciúma)

Gols:
GRÊMIO-SP: Thiago Elias, aos 27 minutos do primeiro tempo
CRICIÚMA: Lucca, aos 25 minutos do primeiro tempo, e Zé Carlos, aos 34 minutos do primeiro tempo e aos 39 minutos do segundo tempo, e Marlon, aos 48 minutos do segundo tempo

GRÊMIO-SP: Matheus; Denis (Douglas Marques), Alex Lima e Wellington; Wendel, Dionísio (Thiago Gentil), Rafael Chorão, Marcelinho Paraíba e Marcos Pimentel; Thiago Brito (Martín Lucero) e Thiago Elias
Técnico: Estevam Soares

CRICIÚMA: Douglas Leite; Ezequiel, Nirley, Matheus Ferraz e Marlon; Rodrigo Possebon, Kléber e Válber (Ozéia); Lucca (Gilmar) e Zé Carlos
Técnico: Paulo Comelli

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG