Atacante de 35 anos viveu os melhores momentos no Milan, onde foi campeão italiano e da Liga dos Campeões

Shevchenko se aposentou da seleção ucraniana após a Eurocopa
Getty Images
Shevchenko se aposentou da seleção ucraniana após a Eurocopa

Depois de se aposentar da seleção ucraniana após a disputa da Eurocopa no mês passado, o atacante Andriy Shevchenko anunciou que deixará o futebol definitivamente. O comunicado oficial será feito neste sábado, mas o jogador adiantou a informação após a vitória do Dínamo de Kiev por 3 a 1 sobre o Hoverla, em partida válida pela 3ª rodada do Campeonato Ucraniano.

Leia mais: Shevchenko anuncia despedida da seleção ucraniana

Em entrevista ao site ucraniano Sport , 'Sheva' falou sobre a decisão e revelou seu futuro profissional: "Decidi interromper minha carreira como jogador para me dedicar à carreira política na Ucrânia. Detalhes? Explicarei neste sábado".

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Aos 35 anos de idade, Shevchenko construiu uma bela história no futebol, principalmente vestindo as camisas de Milan e Dínamo de Kiev. Em 2006, foi contratado pelo milionário Chelsea , mas não conseguiu repetir as boas atuações. No clube italiano, o artilheiro viveu seu melhor momento, faturandos títulos nacionais e da Liga dos Campões.

Veja ainda: Shevchenko salva invasor de campo da prisão na Ucrânia

Pela seleção da Ucrânia, Shevchenko se tornou um dos maiores ídolos do país, marcando 48 gols em 111 jogos. O ápice com a equipe nacional ocorreu com a classificação para a Copa do Mundo de 2006, disputada na Alemanha. Na ocasião, os ucranianos foram eliminados nas quartas de final pela Itália, que venceria a competição.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.