Tamanho do texto

Time paulista testa formação e encara mineiros, vencedores em três das últimas quatro visitas ao Corinthians no estádio

Montillo estava no time que venceu o Corinthians no Pacaembu em 2011
AE
Montillo estava no time que venceu o Corinthians no Pacaembu em 2011

O Corinthians terá um novo esquema de jogo na partida desta quarta-feira no Pacaembu num teste que terá um visitante indigesto pela frente. O Cruzeiro , vencedor em três das últimas quatro partidas contra o Corinthians no Pacaembu, tenta se aproximar do G4 do Brasileirão e vem de duas vitórias seguidas.

O Cruzeiro venceu os confrontos de 2007 (3 a 0), 2009 (1 a 0) e 2011 (1 a 0) contra o Corinthians no estádio municipal paulistano. O mandante venceu em 2010 (1 a 0).

Veja a classificação e os jogos desta rodada do Campeonato Brasileiro

O técnico Tite testará nesta partida um esquema que ainda não havia sido colocado em prática com os titulares nesta edição do Brasileiro. Sem Douglas, suspenso, o técnico optou por usar três atacantes e apenas Danilo como armador. Esta é uma das formas que o treinador gosta de montar a equipe, mas a má fase de Liedson nos últimos meses fez Tite optar por esquema com dois meias, antes com Alex e depois, com Douglas ao lado de Danilo.

Atacante Borges é relacionado, mas pode desfalcar Cruzeiro contra o Corinthians

A partida contra o Cruzeiro pode marcar a estreia do atacante peruano Paolo Guerrero, um dos reforços corintianos após a conquista da Libertadores. O novo camisa 9 do time vai ficar no banco e Tite avisou na terça-feira que ele tem condição de jogar até um tempo inteiro. Guerrero só entrará em campo, porém, se o Corinthians estiver em desvantagem no placar.

Com rebaixamento ainda à porta, Tite pede reação por título até fim do 1º turno

Fora Guerrero, Tite conta com os retornos de Alessandro e Danilo, que haviam sido poupados da partida contra a Portuguesa no último sábado. Jorge Henrique, titular pela última vez na final contra Boca Juniors, há 20 dias, será escalado.

Corinthians divulga numeração fixa para o Brasileiro com Douglas com a camisa 10

Antes da partida, Tite elogiou o conterrâneo Celso Roth, que tem feito bom trabalho no Cruzeiro. “Ele está montando e recuperando o Cruzeiro dentro da competição e isso é muito difícil. Com jogadores como Tinga, Ceará, Willian Magrão é que ele estruturou uma equipe, com organização e competitividade”, disse Tite.

O Cruzeiro, que conta com Montillo, principal frustração corintiana na busca por reforços no início do ano, vem de duas vitórias e um novo triunfo no Pacaembu pode colocá-lo no G4 em caso de tropeço do Grêmio, quarto colocado, contra o Fluminense em Porto Alegre.

“No Campeonato Brasileiro, todos os jogos são sempre difíceis, ainda mais contra o Corinthians, que tem uma confiança extra por ter vencido a Libertadores. É um jogo clássico, entre dois times grandes que vão procurar a vitória. Mas vamos em busca da vitória e tomara que possamos fazer um bom jogo e trazer os três pontos para Belo Horizonte”, disse Montillo.

Para enfrentar o Corinthians, Roth terá o retorno de Diego Renan, cumpriu suspensão na vitória sobre o Flamengo. O volante Tinga e o meia Souza, que também não atuaram na rodada passada estão recuperados de lesão e jogam. O atacante Borges, com dores no joelho esquerdo, viajou a São Paulo, mas ainda é dúvida para o jogo.

FICHA TÉCNICA - CORINTHIANS x CRUZEIRO

Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 25 de julho de 2012, quarta-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Nadine Schram Camara Bastos e Kleber Lúcio Gil (ambos de SC)

CORINTHIANS: Cássio; Alessandro, Chicão, Paulo André e Fábio Santos; Ralf, Paulinho e Danilo; Jorge Henrique, Romarinho e Emerson Técnico: Tite

CRUZEIRO: Fábio; Ceará, Mateus (Rafael Donato), Léo e Diego Renan; Leandro Guerreiro, William Magrão, Tinga e Montillo; Borges (Anselmo Ramon) e Wellington Paulista Técnico: Celso Roth

Entre para a torcida virtual do seu time