Marcelo Oliveira, técnico do time curitibano, pede menos ansiedade no duelo contra o Náutico

Pressionado pela torcida e em polêmica com a diretoria do Coritiba , Marcelo Oliveira só pensa no duelo diante do Náutico pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro . O treinador, porém, se preocupa com a qualidade do gramado dos Aflitos, sempre lembrado por não apresentar as condições ideais para a bola rolar.

"O campo não é um dos melhores e precisamos de mais tranquilidade e menos ansiedade para concluir as jogadas", avisou o treinador.

Marcelo Oliveira quer que o time não sofra gols no início do jogo
Futura Press
Marcelo Oliveira quer que o time não sofra gols no início do jogo


A última vitória do Coritiba foi conquistada na partida de volta da semifinal da Copa do Brasil, diante do São Paulo. Desde então, sofreu 16 gols em oito partidas, sendo seis delas pelo Brasileiro. Sem vencer há mais de um mês, Oliveira quer cuidado na defesa, mas não pretende abrir mão do ataque.

"Nós temos que nos cuidar um pouco para não levar o gol e continuar agredindo", disse.

Na preparação para o duelo, o técnico tentou trabalhar em cima do que viu na partida de domingo, contra o Bahia. Sem equipe definida, Oliveira conta com os reforços de Pereira, Lucas Mendes e Lincoln, que podem aparecer entre os titulares.

O Coritiba visita o Náutico nesta quarta-feira, às 20h30 (de Brasília), no estádio dos Aflitos, pela 12ª rodada do Brasileirão . O time está na 16ª  colocação, com apenas nove pontos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.