Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Ibrahimovic pede a camisa 10 de Nenê no Paris Saint Germain

Apesar de número ser seu preferido, atacante sueco nunca conseguiu usá-lo em outros times e agora depende da saída do brasileiro para vesti-la

EFE |

EFE

EFE
Para finalmente tirar Ibra (f) do Milan, o PSG gastou cerca de R$ 50 mi

O atacante sueco Zlatan Ibrahimovic já fez a primeira exigência como jogador do Paris Saint Germain: vestir a camisa 10, que pertence ao atacante brasileiro Nenê.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O número é o preferido do astro, contudo, ele não pôde utilizá-lo quando jogou na Juventus, Inter de Milão, Barcelona e no Milan, por ele já ter dono - Del Piero, Adriano, Messi e Seedorf, respectivamente.

Leia mais: Camisa 9 do PSG diz que não se importará em ceder número a Ibrahimovic

Desta vez, o sueco está mais perto de conseguir seu objetivo, já que a permanência de Nenê no time francês não está garantida. O jogador brasileiro, artilheiro do clube na última temporada, chegou a acertar sua transferência para o Corinthians, entretanto, a diretoria não autorizou sua saída.

Veja também: Ausência de Messi em amistoso custará quase R$ 900 mil ao Barcelona

Nenê, de 31 anos, chegou a pedir a renovação de seu contrato, que acaba no fim desta temporada, mas o clube também não abriu nenhum tipo de negociação. O diretor esportivo do clube, o brasileiro Leonardo, afirmou que a garantia de que 'Ibra' vestiria a camisa 10 estaria pendente "a saída de outro jogador", em clara referência a uma negociação com o atual dono da camisa 10.

E ainda: Milan quer zagueiro do Montpellier para substituir Thiago Silva, diz jornal

Ainda à espera da definição da numeração, o Paris Saint Germain já iniciou a venda de camisas com o nome de Ibrahimovic, mas sem numeração. O representante do jogador chegou a afirmar que a questão do número não consta em contrato. O atacante sueco, de 30 anos, foi contratado junto ao Milan por 30 milhões de euros (cerca de R$ 74 milhões) e receberá aproximadamente 14 milhões de euros (cerca de R$ 34 milhões), por cada uma das três temporadas.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG