Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

São Paulo tenta aproveitar crise do Figueirense para desencantar com Ney

Técnico do time tricolor faz seu 3° jogo. Equipe de SC vai de interino após demitir Argel

iG São Paulo |

Após receber críticas até de conselheiros influentes por seus dois primeiros jogos no São Paulo, o técnico Ney Franco, enfim, repetirá a base que deu certo no período sob comando interino de Milton Cruz. A ideia é que sua primeira vitória no clube ocorra, finalmente, neste domingo. E com um trunfo: o Figueirense, adversário das 16h (horário de Brasília), em Florianópolis, pela 11 rodada do Campeonato Brasileiro, vive uma crise.

Quem vence: Figueirense ou São Paulo? Opine!

Vipcomm
Ney Franco ainda busca sua primeira vitória

O time catarinense foi o único que perdeu do Atlético-GO, lanterna do Campeonato Brasileiro. E essa derrota, ocorrida na última quinta-feira, custou o emprego do técnico Argel Fucks. Ainda sem Loco Abreu, que segue com problemas musculares, o alvinegro tenta se virar com o auxiliar Abel Ribeiro como interino.

Problemas que acabam sendo um atalho para o time paulista, ao menos, se aproximar da zona de classificação para a Libertadores. Para isso, Ney Franco, depois de estrear empatando com um desfalcado Palmeiras - que teve um jogador expulso no início do segundo tempo e ainda perdeu pênalti - e ser derrotado no Morumbi pelo Vasco, parou de impor seu estilo já neste início de trabalho. Em SC, a equipe atuará no 3-5-2, com João Filipe na zaga ao lado de Rafael Tolói e Rhodolfo, Maicon ocupando uma vaga no meio-campo - Cícero e João Schmidt perderam espaço - e, o ataque, sem Osvaldo e Luis Fabiano, machucados, e Lucas, na seleção brasileira, deve ser composto por Ademílson e Willian José.

VEJA: Com lesão na coxa, Luis Fabiano é vetado e desfalca o São Paulo

A ideia é que esta formação anule um rival que tem demonstrando fragilidade para manter bons resultados, já que perdeu em casa do Atlético-MG por 4 a 3 após estar vencendo por 3 a 1 e cedeu a derrota diante do Atlético-GO depois de ter empatado o confronto no Serra Dourada.

AE
Esperança do Figueirense são os gols de Caio

"Vi os dois últimos jogos do Figueirense e eles tiveram momentos interessantes em que prevaleceu mesmo contra o Atlético-MG. É uma equipe querendo sair de uma situação desconfortável do campeonato e de qualidade", avaliou Ney Franco. "Eles perderam o Loco Abreu, mas ganham em velocidade nas laterais e têm uma forma de jogar que tentaremos ajustar à nossa marcação. Espero que tenhamos um bom rendimento tático, técnico e físico neste jogo".

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

Para Rafael Toloi, que estreou junto com Ney Franco e, consequentemente, ainda não venceu no São Paulo, a meta são os três pontos para o time poder respirar. "A pressão é normal por se tratar do São Paulo. Precisamos de tranquilidade e trabalhar com inteligência. Temos jogos em sequência. Se tivemos um mau resultado na quarta-feira, podemos chegar bem no domingo e conseguir a vitória", falou o zagueiro.

Do outro lado, Abel Ribeiro, após só um treino com a equipe, resolveu não relacionar o lateral direito Pablo, titular na derrota para o Atlético-GO, e o meia Fernandes, maior artilheiro da história do clube e ídolo da torcida. As novidades no time, que tenta deixar a zona de rebaixamento nesta 11ª rodada, devem ser o volante Coutinho improvisado na lateral direita e Jackson pode entrar no meio-campo.

FICHA TÉCNICA - Figueirense x São Paulo
Campeonato Brasileiro 2012 - 11ª rodada 
Local: estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis-SC
Data: 22 de julho de 2012, domingo
Horário: 16h (horário de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco
Assistentes: Márcio Eustaquio Santiago e José Chaves Franco Filho
Assistentes adicionais: Francisco Santos Silva Neto e Márcio Brum Coruja

FIGUEIRENSE: Wilson; Coutinho, Fred, Anderson Conceição e Guilherme Santos; Fabiano Silva (Jackson), Túlio e Doriva (Almir); Ronny, Caio e Júlio César Técnico: Abel Ribeiro (interino)

SÃO PAULO: Dênis; João Filipe, Rafael Tolói e Rhodolfo; Douglas, Denílson, Maicon, Jádson e Cortez; Ademílson e Willian José Técnico: Ney Franco

Quem vence: Figueirense ou São Paulo? Discuta na Torcida Virtual do iG Esporte

Leia tudo sobre: São PauloFigueirenseBrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG