Tamanho do texto

O empate deixa o Guará na 18ª posição do Campeonato Brasileiro Série B com nove pontos conquistados, enquanto o Boa fica na 12ª colocação com 14 pontos

O Guaratinguetá recebeu o Boa Esporte nesta sexta-feira pelo Campeonato Brasileiro Série B e, com Alemão expulso aos 31 minutos do segundo tempo, não conseguiu mais do que um empate sem gols em uma partida de poucas chances criadas e muita disputa no meio-campo.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O empate deixa o Guará na 18ª posição do Campeonato Brasileiro Série B com nove pontos conquistados, enquanto o Boa fica na 12ª colocação com 14. Pela próxima rodada da competição, a Garça visita o ABC no sábado, às 16h20 (de Brasília), e o time de Varginha recebe o América-MG na terça-feira, às 21 horas (de Brasília).

O jogo

A primeira chance de destaque da partida foi a favor da equipe visitante e ocorreu aos 11 minutos, quando Marquinhos cabeceou após cobrança de escanteio e levou perigo ao gol de Zé Carlos.

Pelo Boa, o primeiro jogador a ter uma oportunidade relevante foi Tiago Alves, que recebeu pela direita da área e chutou a bola pela linha de fundo, à direita do gol aos 25 minutos. Dez minutos depois, Keninha chutou da entrada da área e fez a bola raspar na trave do Boa.

Pelo Guaratinguetá, Alemão substituiu Júlio César no intervalo e quase foi decisivo, acertando a trave em cobrança de falta direta aos sete minutos. Aos 26, foi a vez do Boa levar perigo em chute de Francismar pela esquerda da área bem defendido por Saulo.

Aos 31 minutos, Alemão cometeu falta dura em Francismar e levou o cartão vermelho direto, dificultando a busca da vitória em casa por parte do Guaratinguetá em um jogo já truncado. Com uma a mais, o Boa cresceu no jogo e passou a pressionar, mas encontrou dificuldades para criar chances de efeito.

FICHA TÉCNICA
GUARATINGUETÁ 0 X 0 BOA ESPORTE

Local: Estádio Dario Leite, em Guaratinguetá (SP)
Data: 20 de julho de 2012, sexta-feira
Árbitro: Jose de Caldas Souza
Assistentes: Cesar Augusto de Oliveira Vaz e Carlos Emanuel Manzolillo
Cartões amarelos: Igor e Marquinhos (Guaratinguetá) e Welton Felipe, Zé Carlos e Neylor (Boa Esporte)
Cartão vermelho: Alemão (Guaratinguetá)

GUARATINGUETÁ: Saulo; Marlon, Igor, Marquinhos e Renato Peixe; Jairo, Júlio César (Alemão) e Keninha (Bruno Formigoni); João Paulo (Carlos Magno), Marcinho e Leandrinho
Técnico: Pintado

BOA ESPORTE: Zé Carlos; Neílson, Neylor (Marcelo Macedo), Welton Felipe e Radar (Vanger); Claudinei, Petros, Radamés e Francismar; Jônatas Obina e Tiago Alves (Serginho)
Técnico: Sidney Moraes