O escocês admitiu que o United fez ao Arsenal uma proposta de 20 milhões de libras (R$ 63,3 milhões) pelo atacante

O matador van Persie está na mira do United
EFE
O matador van Persie está na mira do United

A corrida dos grandes clubes europeus para contratar Robin van Persie continua intensa. Depois de Juventus e Manchester City manifestarem interesse pelo holandês, o Manchester United entrou forte na concorrência. Até o momento, as notícias vindas de Old Trafford são as mais concretas.

Isso se deve a uma entrevista concedida por Sir Alex Ferguson ao canal de televisão do clube, na Cidade do Cabo, na África do Sul, onde os Red Devils realizam pré-temporada. O escocês admitiu que o United fez ao Arsenal uma proposta de 20 milhões de libras (R$ 63,3 milhões) pelo atacante, que fica sem contrato ao final da temporada. O time de Londres exige que os valores cheguem a 30 milhões de libras (R$ 95 milhões).

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Obviamente, o Arsenal escondeu o fato que fizemos uma proposta. Nós tentamos manter as negociações em sigilo até o mais próximo do desfecho. Não tem motivo falar de algo que pode não acontecer. Outros times têm interesse no jogador. Nós fizemos uma oferta, é esse nosso estágio no negócio", explicou Ferguson

Para permanecer no Arsenal, Van Persie pediu que os dirigentes trouxessem reforços de peso para a disputa da Liga dos Campeões. Ao ver apenas a chegada do alemão Lukas Podolski, o artilheiro do último Campeonato Inglês decidiu não aceitar as propostas de renovação de contrato.

Para não perdê-lo de graça em junho de 2013, os Gunners passaram a admitir negociações com outros clubes. Em situação semelhante, o ponta inglês Theo Walcott espera por uma valorização salarial e ameaça abandonar a pré-temporada na Ásia. Há um ano, o espanhol Césc Fábregas e o francês Samir Nasri deixaram o Arsenal pelas mesmas razões alegadas por Van Persie.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.