Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

São Caetano consegue empate heroico com o Ceará com dois a menos

Time paulista leva gol já nos descontos, mas consegue buscar a igualdade. Quatro gols do jogo foram de bola parada

Gazeta |

Futura Press
Lance do jogo entre Ceará e São Caetano

O São Caetano visitou o Ceará pelo Campeonato Brasileiro de Série B nesta terça-feira e conseguiu um bom empate por 2 a 2.

O time paulista parecia estar com tudo perdido quando, com dois jogadores a menos, sofreu um gol aos 44 minutos do segundo tempo e ficou atrás em 2 a 1. Um gol de falta de Éder Marcelo, aos 46, porém, garantiu um empate heroico por 2 a 2 para a equipe paulista.

Comente esta notícia e deixe seu recado para outros torcedores

Enquanto os dois gols do Ceará foram marcados em cobranças de pênaltis convertudas por Mota, os do São Caetano foram marcados por Éder em cobranças de falta.

A equipe visitante começou assustando, com uma forte finalização de Éder Marcelo pela esquerda da área exigindo boa defesa de Fernando Henrique logo no primeiro minuto do jogo.

Aos 12 minutos, parecia que o São Caetano de fato havia chegado ao gol: Leandrão subiu sozinho para desviar cruzamento de Éder Marcelo da direita para as redes, mas o árbitro Marco Santos Pessanha flagrou falta do atacante sobre Thiego no lance.

Leia ainda: Vitória vence o ASA fora e pressiona Criciúma

Um contra-ataque do Ceará aos 35 minutos se mostrou fatal. Mota recebeu bom passe de Leandro Chaves, invadiu a área pela esquerda e sofreu pênalti do goleiro Fábio. O próprio atacante chutou bem, na esquerda da meta, e converteu: 1 a 0 para o Vozão.

Quando pareceu que o jogo iria ao intervalo com vantagem do time mandante, Éder Marcelo conseguiu empatar: aos 44 minutos, o meia tentou cruzar em cobrança de falta, mas Fernando Henrique esbarrou com outros jogadores ao tentar cortar o levantamento e não alcançou a bola, que foi direto ao gol, sem desvio.

Se o final da etapa inicial animou o São Caetano, o início da segundo representou um balde de água fria: logo aos três minutos, Moradei matou contra-ataque dos adversários ao puxar Mota pela camisa e recebeu o segundo cartão amarelo, deixando sua equipe com um jogador a menos.

Veja também: Gol contra derruba o Guarani contra o Goiás

O zagueiro Gabriel manteve a igualdade aos 14 minutos, quando Mota aproveitou sobra de bola após confusão na área e, com Fábio fora do lance, chutou ao gol, mas viu o defensor do Azulão bloquear sua finalização em cima da linha.

O atacante Romário, que começou o jogo no banco, teve uma boa chance para deixar o time nordestino na frente aos 29 minutos, quando subiu para cabecear cruzamento de Apodi da direita e fez a bola passar com perigo à esquerda do gol.

O jogo parecia ganho para o Ceará quando Rogerinho avançou pela direita e encontrou Mota na pequena área, que finalizou e viu seu chute parar na mão de Samuel Santos. Pessanha expulsou o jogador e marcou pênalti, convertido novamente por Mota, deixando o placar em 2 a 1.

Dois minutos depois, porém, o improvável ocorreu: o São Caetano saiu com tudo em busca do empate e teve falta em boa posição para cobrar aos 46 minutos. Éder Marcelo bateu com perfeição e não deu chances para Fernando Henrique, empatando a partida por 2 a 2.

O resultado deixa o Ceará na 12ª posição com 14 pontos e o Azulão com 19 pontos na quinta colocação. Pela próxima rodada do Campeonato Brasileiro de Série B, o Vozão recebe o ASA no sábado, às 16h20 (de Brasília), enquanto os paulistas encaram o Grêmio Barueri na sexta-feira, às 21 horas (de Brasília).

Leia tudo sobre: cearásão caetanoSérie B

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG