Empresário do jogador confirmou que time carioca ainda não atingiu o valor que o Al Jazira pede

O tempo é o principal inimigo do Fluminense para a renovação com Rafael Sobis . Depois de o clube detendor dos direitos do atacante, Al Jazira, recusar a primeira proposta carioca, o time das Laranjeiras tem apenas um dia para tentar convencer os árabes.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Já foram feitas várias propostas, o Fluminense tem se esforçado muito, mas ainda não atingiu o que quer o Al Jazira. Senão a negociação teria acabado. Ainda não teve isso e nós aguardaremos mais 24 horas, ou não haverá tempo hábil para fechar a negociação", declarou o empresário do jogador, Jorge Machado, à Rádio Guaíba .

Leia mais: Zagueiro do Fluminense é detido com habilitação falsa em blitz no Rio

Rafael Sóbis comemora o gol da vitória do Fluminense sobre o Zamora
Photocamera
Rafael Sóbis comemora o gol da vitória do Fluminense sobre o Zamora

Não é só o Fluminense que corre contra o tempo para ter Rafael Sobis . Os demais interessados no jogador também têm que se apressar. O Grêmio é um deles, apesar de Machado garantir não ter conversas com o clube gaúcho ainda.

Veja mais: Cavalieri completa primeiro treino após sete dias e pode pegar o Bahia

"O Grêmio não fez proposta. Se mostrou ético em todo processo. Não entrou em contato com o Al Jazira e nem com o Sobis . Eu também não faria pois conduzo meus trabalhos com ética",avisou o empresário do atacante.

Veja também: Após pedir para sair, Conca recua e diz que cumprirá contrato na China

Para renovar o contrato com Rafael Sobis , que a princípio vai até 1º de agosto, o Fluminense precisaria desembolsar, de acordo com a vontade dos árabes, R$ 10 milhões de euros. A proposta tricolor até o momento foi de R$ 6,5 milhões de euros. Os cariocas ainda necessitam da anuência do Internacional , que repassou o empréstimo em 2011.

Ajude o time do Fluminense a subir no ranking da Torcida Virtual

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.