Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Inter aguarda, mas vê proposta “muito maior” do Al-Rayyan por Nilmar

Sem condição de pagar os oito milhões desejados pelo Villarreal, clube brasileiro vê sonho de repatriar o atacante mais distante

iG Porto Alegre * |

EFE
Nilmar em ação pelo Villarreal

Alvo do Internacional, o atacante Nilmar teria aceitado a proposta do Al-Rayyan, clube do Catar, o que frustraria os planos do clube gaúcho em repatriar o atleta, formado nas categorias de base do Beira-Rio. Pelo Colorado, a ordem é aguardar a oficialização do acerto para, assim, desistir do jogador, embora saiba que está atrás na disputa pelo centroavante.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Não recebemos nenhuma informação oficial com relação a este acerto. Ninguém nos ligou. Mas cabe ressaltar que a proposta da Al-Rayyan é muito maior do que a nossa, ela foge da realidade do futebol brasileiro na questão financeira. Estamos aguardando", disse Luciano Davi, vice-presidente de futebol do Inter, em entrevista para a Rádio Gaúcha.

Leia também:  Nilmar fala em ‘probleminha’ com o Inter e indica tendência a jogar no Catar

As conversas com o Villarreal, clube do brasileiro, ficaram complicadas no início da semana, quando os espanhóis consideraram "vergonhosa" a oferta feita pelo Inter. O time espanhol sonhava receber oito milhões de euros pelo jogador, valor o qual a diretoria gaúcha avisara que não poderia pagar.

Veja ainda: Pai de Juan confirma acerto do zagueiro com o Internacional

Os times chegaram a encaminhar um acerto, mas Inter e Nilmar, que antes teriam adiantado as bases do contrato, começaram a divergir por conta do salário que o atacante receberia no clube gaúcho. Aos 28 anos, o atleta, participante da campanha que culminou com o rebaixamento do Villarreal no Espanhol, já teria avisado seus familiares que jogará no Catar.

Embora não negue a vontade de ter o jogador, com passagens pela Seleção Brasileira, Davi negou sentimento de frustração em relação a um possível fracasso na negociação. "Nós temos atacantes de qualidade, um deles é o camisa 9 da Seleção. O Damião vive uma ascendência muito grande, mas nos preocupamos com a vitrine que as Olimpíadas são. Além disso, temos meninos na categoria de base que podem ocupar esse papel, de caso o Nilmar não venha", completou.

Entre para a torcida virtual do Internacional

*Com Gazeta

Leia tudo sobre: nilmarFutebol MundialEspanhaVillarrealNilmarInternacional

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG