Zagueiro da seleção inglesa era acusado de ofender o jogador Anton Ferdinand

Acusação de racismo de Anton Ferdinand (dir.) contra John Terry acabou motivando saída de Capello da Inglaterra
Getty Images
Acusação de racismo de Anton Ferdinand (dir.) contra John Terry acabou motivando saída de Capello da Inglaterra

O zagueiro inglês do Chelsea John Terry foi absolvido nesta sexta-feira da acusação de racismo que pesava contra ele, ao término de um julgamento de cinco dias na Corte de Magistrados de Westminster de Londres.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O jogador era acusado de ter insultado Anton Ferdinand, do Queens Park Rangers, em uma partida em outubro de 2011 entre os dois times.

Leia mais: Ashley Cole defende Terry em julgamento por racismo

Além do processo, o incidente ainda fez Terry perder a faixa de capitão da seleção da Inglaterra e resultou na demissão de Fábio Capello, que não concordou com a punição imposta pela federação britânica, e no corte de Rio Ferdinand, zagueiro do Manchester United que tomou as dores do irmão supostamente insultado.

*Com AFP

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.