Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Para amenizar fase ruim, Santos recebe Grêmio em busca da 1° vitória

Time da Baixada Santista ainda não venceu no Campeonato Brasileiro e espera iniciar recuperação contra os gaúchos

Gazeta | - Atualizada às

Atravessando um momento ruim na temporada, o Santos volta a campo diante do Grêmio, neste domingo, às 16 horas (horário de Brasília), na Vila Belmiro, em busca de sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro. Eliminado nas semifinais da Copa Libertadores da América pelo Corinthians, que se sagrou campeão do torneio na última quarta-feira, o Peixe espera dar início a sua reação no Nacional derrotando o Tricolor Gaúcho.

Você acha que o Santos vai brigar pelo título no Brasileiro? Clique e opine

"Temos que começar a vencer logo. Vamos a campo respeitando o Grêmio, mas o Santos precisa de uma sequência de vitórias. A situação que a gente vive não nos deixa feliz e sabemos da responsabilidade de fazer uma boa campanha no Brasileirão. Precisamos ganhar", afirmou o goleiro Rafael, que ao lado do meia Paulo Henrique Ganso e do atacante Neymar, irá representar os santistas na Seleção Brasileira que irá disputar os Jogos Olímpicos de Londres (Inglaterra).

Acompanhe o Brasileirão em tempo real e com estatísticas no aplicativo iG Futebol

Do trio "canarinho", apenas Ganso não irá enfrentar os gremistas. O camisa 10 fez tratamento de reforço muscular durante toda a semana e o técnico Muricy Ramalho, por não vê-lo em suas condições físicas ideais, preferiu deixar o meia de fora desta partida.

Confira a classificação do Campeonato Brasileiro

Já Rafael e Neymar provavelmente estarão em campo no último jogo de ambos pelo Santos, antes das Olimpíadas. A direção do Santos ainda tenta a liberação junto a CBF dos dois para o duelo com o Internacional-RS, dia 15, no Beira-Rio."Estou à disposição dos dois. Fui convocado para a seleção e vou representá-los da melhor maneira possível. Agora, se o Santos conseguir a minha liberação da seleção, vou atuar com o maior prazer. O que ficar decidido eu vou acatar, sem problemas", comentou a Joia.

No entanto, independentemente de este ser o seu último compromisso com a camisa 11 santista antes do embarque para os Jogos Olímpicos, Neymar sabe que precisa conduzir a sua equipe a vitória.

Com apenas cinco pontos somados, em sete rodadas, o time da Baixada vive uma situação complicada neste início de Brasileiro. "Espero que a gente possa dar uma arrancada na competição. Vou estar longe, mas torcendo para que o Santos vença os seus compromissos e alcance logo os primeiros lugares do Brasileiro. Contra o Grêmio, quero que o time volte a vencer. Sempre assumi as minhas responsabilidade e espero ajudar a equipe, em busca da vitória", destacou.

Elano, que deve ser envolvido em uma troca com o Grêmio, que cederia o centroavante argentino Miralles ao Santos, está fora do confronto. A negociação com os gaúchos deve ser resolvida somente no começo da próxima semana.

Gazeta
Neymar está confirmado como titular, mas Ganso não está escalado entre os 11 do time da Baixada

O Santos ainda terá uma novidade perante os gremistas: a escalação do lateral direito Bruno Peres. Recém-contratado, o ala chegou nesta semana a Baixada Santista, após se destacar no último Paulistão pelo Guarani, e será titular neste domingo.

Entre os gaúchos, a derrota na semifinal da Copa do Brasil, para o Palmeiras, ainda pesa no ambiente do clube. Desde os 2 a 0 sofridos para o Alviverde no Olímpico, a equipe do técnico Vanderlei Luxemburgo experimenta uma irregularidade. Depois de derrotar o Flamengo e subir para a 3ª colocação, o Grêmio perdeu em casa para o Atlético-MG na última rodada e saiu da zona da Libertadores."Precisamos buscar a vitória na Vila. A gente deixou de vencer uma partida muito importante em casa. Não podíamos ter perdido este jogo. Agora vamos ter que buscar quatro pontos fora de casa, para não termos problemas", projetou Kleber, em relação à partida contra o Santos e o compromisso da semana que vem, contra o Cruzeiro, em Belo Horizonte.

As laterais são a grande dor de cabeça para Luxemburgo. Na direita, o técnico perdeu Edilson, suspenso por quatro jogos após agredir o zagueiro palmeirense Henrique, no duelo pela Copa do Brasil. Do lado esquerdo, há uma verdadeira maldição: Fábio Aurélio, Júlio César e Pará estão lesionados. Já Anderson Pico foi expulso contra o Galo e não poderá atuar.

Com isso, quem deve ser o lateral esquerdo gremista em Santos é o volante Léo Gago, improvisado. Tony será o ala pela direita. Para a vaga de Léo Gago no meio há três opções: a mais provável é a utilização de Marco Antônio, mas Rondinelly corre por fora. Se quiser um time mais cauteloso, o técnico pode escalar Vilson na função de segundo homem.

Werley, que não atuou contra o Atlético-MG, volta à defesa ao lado de Gilberto Silva. O zagueiro não descarta uma marcação de até mesmo três homens em cima de Neymar: "No mano a mano é difícil. Sempre tem que ter alguém na sobra: é um para dor o bote e dois atrás, para proteger o gol", explicou.

FICHA TÉCNICA
SANTOS X GRÊMIO

Local: Estádio Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 8 de julho de 2012, domingo
Horário: 16 horas (horário de Brasília)
Árbitro: Nielson Nogueira Dias (PE)
Assistentes: José Wanderlei da Silva e Clóvis Amaral da Silva (ambos de PE)

SANTOS: Rafael, Bruno Peres, Edu Dracena, Durval e Juan; Adriano, Arouca, Henrique e Felipe Anderson; Victor Andrade e Neymar
Técnico: Muricy Ramalho

GRÊMIO: Marcelo Grohe; Tony, Werley, Gilberto Silva e Léo Gago; Fernando, Souza, Marco Antônio e Zé Roberto; Kleber e Marcelo Moreno
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Leia tudo sobre: santosgrêmioBrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG