Atacante saiu brigado da equipe carioca e aproveitou para mandar recado após conquistar a Libertadores

O atacante Emerson foi herói nas Laranjeiras em 2010 ao marcar o gol do título do Campeonato Brasileiro pelo Fluminense . Poucos meses depois, porém, teve seu contrato rescindido pela diretoria por "ausência em treino, atrasos, comportamento inadequado em viagem e em reuniões" - além de cantar uma música da torcida organizada no Flamengo na concentração. Nesta quarta, após dar ao Corinthians o título da Libertadores sobre o Boca Juniors , da Argentina, o "Sheik" desabafou e detonou o ex-clube.

De Cássio a Emerson, conheça os personagens da histórica conquista corintiana

"A um ano atrás, me tiraram de um lugar me acusando de coisas absurdas, que eu não fiz, e hoje está aí a prova de que sou um bom profissional e tem muita gente que gosta de mim. Vocês (Fluminense) me desprezaram e erraram comigo, mas hoje eu sou campeão da Libertadores!", ironizou o atacante, que fez os dois gols da vitória alvinegra sobre a equipe argentina. Ele saiu de campo ovacionado pela torcida corintiana.

Baixe os pôsteres do Corinthians campeão da Libertadores 2012

Emerson também confirmou a fama de jogador decisivo. Antes da conquista da Libertadores, ele foi tricampeão do Campeonato Brasileiro por três equipes diferentes: Flamengo (2009), Fluminense (2010) e o próprio Corinthians, em 2011.

Relembre o caminho do Corinthians do início da Libertadores até a decisão

"Eu gosto dessas partidas, tenho certeza que a galera que acompanhou a minha hitória sabe o quanto é importante essa conquista. Eu juro que não vou chorar, pois estou alegre", disse o camisa 11, que agora é uma das principais esperanças do Corinthians para tentar a conquista do Mundial de clubes da Fifa em dezembro, no Japão. O adversário em uma possível final deve ser o Chelsea , da Inglaterra.

Comemora o título do Corinthians na Torcida Virtual do iG Esporte

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.