Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Técnico italiano rasga elogios a Espanha antes da final da Euro

Cesare Prandelli disse que os atuais campeões da Euro e da Copa do Mundo são uma referência para o futebol

EFE |

EFE

O treinador da seleção italiana, Cesare Prandelli, deu declarações nesta sexta-feira, em entrevista coletiva, antes da final da Eurocopa, que acontece no domingo, entre sua equipe e a Espanha. Após ver a 'Azurra' derrotar a Alemanha, por 2 a 1, e assim garantir a vaga na grande decisão, Prandelli elogiou o próximo adversário, mas reiterou o bom momento da Itália.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

AP
Cesare Prandelli elogiou a Espanha antes da final da Euro

"Espero que dê para traçar uma boa preparação para a partida. Apesar de termos apenas um dia, vamos observar os pontos fracos da Espanha e iremos trabalhar para isso. Mas não será fácil. São os campeões do mundo e da Europa, e agora estão de novo na final. Isso confirma que não tem apenas técnica, mas também personalidade. São uma referência em vários aspectos, mas nós crescemos com o tempo", disse o técnico italiano.

Leia mais: Papa parabeniza seleção italiana pela classificação à final da Euro 2012

O treinador afirmou que a seleção italiana tem que repetir o bom primeiro tempo da estreia da competição, quando também enfrentaram os espanhóis e empataram em 1 a 1. "No primeiro jogo (1ª fase), jogamos um bom primeiro tempo. Não devemos ter medo de encará-los. Temos força para atuar com inteligência e qualidade. Temos que jogar assim, como o povo gosta, como gostam os 23 milhões que nos assistiram na TV contra a Alemanha", afirmou Prandelli.

Confira ainda: Após boato de perda de voo, Cristiano Ronaldo é recebido como herói em Lisboa

O técnico da Itália também demonstrou toda sua felicidade ao falar sobre a boa relação que possui com a Federação Italiana de Futebol. "Tenho uma relação extraordinária com a Federação. Os últimos dois meses foram muito complicados. Quando se diz que durante o ano ninguém se preocupa com a seleção, é verdade. Não há apelo popular. Buffon me perguntou sobre meu futuro, gostei que ele se preocupasse, mas não tenho nenhuma meta a seguir", disse o técnico da 'Azurra'.

E mais: Alonso se divide entre Espanha e Itália na torcida para a final da Euro 2012

O treinador falou sobre os momentos anteriores à Eurocopa, ao dizer que o escândalo de manipulação de resultados no Campeonato Italiano serviu para que todos "se concentrassem no trabalho e dessem a volta por cima, mesmo com um conflito psicológico". Cesare Prandelli explicou a saída do atacante Mario Balotelli, substituído na segunda etapa, mesmo após fazer os gols da vitória diante da Alemanha, além de aproveitar para elogiar seu artilheiro. "Ele estava com cãibras e eu estava com medo que elas piorassem. Ele tem um potencial enorme e um técnico muito bom, Mancini, que irá ajudá-lo a crescer", encerrou Prandelli.

Leia tudo sobre: itáliafutebol mundialcesare prandellieuro 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG