Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Luis Fabiano se defende de acusações por xingar árbitro: "Fiz o que todos fazem"

Árbitro Elmo Alves Resende Cunha relatou na súmula que o atacante são-paulino chegou a ameaçá-lo de agressão física

Gazeta |

Vipcomm
Luis Fabiano pode pegar até 12 jogos de gancho

Na terça-feira, Luis Fabiano será julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por sua expulsão na vitória sobre o Atlético-MG, correndo risco de pegar suspensão de até 12 jogos. O atacante, porém, não acredita em um gancho tão grande, pois está convicto de que não cometeu um erro incomum.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Se acontecer comigo pelo que fiz, vai acontecer com a maioria dos jogadores. Todos fazem o que fiz", defendeu-se o camisa 9. "Por mais que tenham acontecido coisas muito ruins, vai correr tudo bem, se Deus quiser. Estou tranquilo, sei que os advogados estão cuidando do caso. Estou muito confiante."

Leia também: Temendo o São Paulo, Santos tenta renovar com Muricy

A Procuradoria do STJD, contudo, fez um trabalho que não justifica tamanho otimismo do jogador. O capitão do São Paulo foi enquadrado em dois artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD): o 258, por assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva, e 243, por ofender alguém em sua honra por fato relacionado diretamente ao desporto.

Nos dois artigos, a pena é de uma a seis partidas, sendo que 243 ainda prevê multa de R$ 100 a R$ 100 mil. Caso seja punido em ambos, a suspensão será somada - como Luis Fabiano já cumpriu o gancho automático na partida seguinte, na derrota para a Portuguesa, o período máximo sem jogar será de 11 rodadas do Brasileiro.

Confira ainda:  Diretoria do Arsenal aceita, mas técnico trava liberação de Denilson

O que complicou a vida do astro foi a súmula do árbitro Elmo Alves Resende Cunha. Foi relatado que, pouco após receber amarelo por falta, o atleta reclamou dizendo "P... Marca só uma seu m..., ‘tá’ inventando desde o início, é muito fraco" e, depois de levar o vermelho, falou "Seu filho da p..., você é um viado, dá vontade de meter o soco na sua cara, vagabundo, te encher de pancada", sendo contido por colegas e adversários.

Até os dirigentes do São Paulo concordaram com a expulsão, tanto que multaram o jogador, que já havia sido suspenso no Brasileiro por ter levado três amarelos - no campeonato, o atacante recebeu três amarelos e um vermelho, excluindo o amarelo anterior à expulsão dentro do jogo. "São coisas do passado", disse o camisa 9, que já pediu desculpas à torcida pelas advertências que recebe em campo.

Leia tudo sobre: luis fabianosão paulobrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG