Aos 70 anos, ídolo do futebol português foi internado no último sábado com suspeita de ataque cardíaco

Agência Estado

Eusébio foi internado com suspeita de ataque cardíaco
Agência O Globo
Eusébio foi internado com suspeita de ataque cardíaco

Desde o último sábado em um hospital de Poznan, na Polônia, onde deu entrada com suspeita de ter sofrido um ataque cardíaco , o ex-jogador Eusébio, de 70 anos, apresentou melhora em seu quadro de saúde nesta terça-feira, informou um funcionário do local onde está internado o maior nome da história do futebol de Portugal.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Segundo relato do funcionário, Eusébio pediu por bananas e suco de laranja no café da manhã, em um sinal de que está conseguindo recuperar o apetite perdido anteriormente durante o período de internação no hospital de Poznan.

Leia também:  Eusébio passa mal e é internado em hospital da Polônia

Porta-voz do hospital, Stanislaw Rusek informou que o ex-jogador irá se exercitar de forma leve no final desta terça-feira com um especialista, depois de ter ficado de cama nos últimos dias. O porta-voz confirmou que Eusébio foi internado no sábado em "condições sérias", mas exames excluíram a ocorrência de um ataque cardíaco. Eles apenas apontaram complicações decorrentes de problemas de sua saúde, que vem se mostrando frágil nos últimos tempos.

A previsão estabelecida pelos médicos do hospital polonês é a de que Eusébio receba alta nesta quinta-feira. O ex-jogador viajou para Polônia para acompanhar os jogos da seleção do seu país, como convidado ilustre da Federação Portuguesa de Futebol. Portugal no momento se prepara para enfrentar a Espanha, nesta quarta, em Donetsk, na Ucrânia, outro país-sede desta Eurocopa. O duelo definirá o primeiro finalista desta edição do torneio continental.

Confira ainda:  Por precaução, Eusébio tem alta hospitalar adiada para quinta-feira

Esta foi a quarta internação de Eusébio desde dezembro. Autor de 41 gols em 64 jogos pela seleção portuguesa, ele foi hospitalizado recentemente por causa de pneumonia, pressão alta e dor aguda no pescoço.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.