Tamanho do texto

Em posição intermediária na tabela, treinador flamenguista mostra otimismo mesmo após derrota contra o Grêmio

Agência Estado

Joel Santana, técnico do Flamengo
Vipcomm
Joel Santana, técnico do Flamengo

O técnico Joel Santana adotou um discurso otimista após a primeira derrota do Flamengo no Campeonato Brasileiro. No domingo, a equipe carioca foi dominada pelo Grêmio, no Estádio Olímpico, em Porto Alegre, pela sexta rodada do torneio, e perdeu por 2 a 0. Mesmo assim, o treinador garantiu que o time vai se recuperar e lutará pelo título nacional. No momento, o clube da Gávea ocupa a nona colocação, com nove pontos, cinco atrás do líder Cruzeiro.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"O Flamengo vai chegar, vai chegar. Não é que gostamos da derrota aqui. Mas não é vergonha. Os dois pontos que perdemos contra o Internacional dentro de casa é que estão dando a diferença, senão estaríamos encostados nos líderes. Mas, em dezembro, podem me cobrar. Vamos chegar. O time está mais aguerrido, rejuvenescendo, mais brigador, não tem aquela preguiça. Promovemos uma situação tática e foi cumprida, mas temos que reconhecer que o Grêmio jogou bem. Estamos com uma garotada boa. Eles criaram e fizeram. Nós criamos e não fizemos", disse.

Leia também:  Torcedor do Flamengo, lutador José Aldo pede a saída de Joel Santana

Joel lamentou que o time tenha sofrido o segundo gol logo no começo do segundo tempo, o que dificultou a reação do Flamengo diante do Grêmio. "Foi um jogo difícil, disputadíssimo. Levamos um gol, mas não esperava levar o segundo tão rápido. Aí, o jogo ficou aberto. Poderíamos ter empatado o jogo ou levado uma goleada. Foi um jogo lá e cá. Acho que foi um bom jogo, quem viu a partida ficou satisfeito", afirmou.

Confira ainda:  Assista aos golaços da 6ª rodada do Brasileirão e escolha o mais bonito

Para Joel, o Flamengo está em evolução e com alguns jogadores em crescimento técnico, como o volante Airton. "Está melhorando, mas precisamos encaixar a equipe. Alguns jogadores já estão melhorando. Airton foi nosso melhor homem, aguerrido, foguento; o Marllon errou um passe aqui e outro ali, mas foi bem, Mattheus entrou bem e quase faz um gol. Nosso goleiro foi muito bem", comentou.