Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Boca Juniors defende vantagem para chegar à décima final de Libertadores

Time argentino entra em campo mais próximo da classificação após ter vencido primeiro jogo contra Universidad de Chile por 2 a 0

iG São Paulo | - Atualizada às

AP
Santiago Silva (dir.) comemora o primeiro gol do Boca contra La U

O Boca Juniors enfrenta o Universidad do Chile nesta quinta-feira, às 20h15 (de Brasília) em Santiago (Chile), buscando confirmar presença na final da Libertadores pela décima vez em sua história. Após ter vencido o primeiro duelo por 2 a 0, o time argentino entra em campo com boa vantagem para conquistar a vaga na decisão e disputar o título continental contra o Corinthians.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

O técnico do Boca, Julio César Falcioni, reconhece que o placar do jogo da Argentina deixa a equipe mais perto da final, mas faz questão de manter seus comandados atentos e alerta que ainda não há nada decidido. "Sabemos que teremos um adversário bom pela frente, vai ser muito complicado para os dois lados. A Libertadores é o torneio mais importante do continente e todos querem ganhar sempre", afirmou.

Leia também: Corinthians não escolhe adversário e valoriza "grupo forte"

O zagueiro Juan Insaurralde sofreu uma entorse no tornozelo esquerdo e desfalca o Boca nesta partida. Seu lugar na equipe titular deverá ser ocupado por Matías Caruzzo. Por outro lado, o lateral-esquerdo Clemente Rodríguez já está praticamente recuperado das dores no músculo adutor da coxa esquerda e provavelmente começará o duelo contra 'La U' no lugar de Juan Sánchez Miño.

Veja ainda: Muricy não se livra de fantasma e soma cinco eliminações contra brasileiros

Já a Universidad de Chile busca alcançar a final da Libertadores pela primeira vez. O time comandado por Jorge Sampaoli está invicto como mandante na competição. Além disso, já conseguiu reverter uma situação complicada na fase de mata-mata. No primeiro jogo das oitavas de final, contra o Deportivo Quito, perdeu fora de casa por 4 a 1. Contudo, ganhou dos equatorianos por 6 a 0 na partida da volta e se classificou.

E mais: Após eliminação, Muricy diz que Corinthians deve ganhar a Libertadores

Sampaoli acredita que a equipe pode mostrar poder de reação mais uma vez. "Ter perdido o primeiro jogo preocupa, mas também motiva. Temos que dar tudo em campo", disse o treinador da Universidad de Chile.

FICHA TÉCNICA - UNIVERSIDAD DO CHILE X BOCA JUNIORS
Local:
Estádio Nacional do Chile, em Santiago
Data: 21 de junho de 2012, quinta-feira
Horário: 21h15 (de Brasília)
Árbitro: Dario Ubriaco (Uruguai)
Assistentes: Mauricio Espinosa e Miguel Nievas (Uruguai)

UNIVERSIDAD DO CHILE: Jhonny Herrera; González, Rosas, Rodríguez e Rojas; Aránguiz, Mena, Díaz e Lorenzetti; Henriquez e Fernandes
Técnico: Jorge Sampaoli

BOCA JUNIORS: Orión; Roncaglia, Schiavi, Caruzzo e Miño; Ledesma, Somoza, Erviti e Riquelme; Mouche e Santiago Silva
Técnico: Julio César Falcioni

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG