Tamanho do texto

Atacante do Santos afirmou que gosta bastante dos dois dirigentes e tentou colocar panos quentes no entrevero

As farpas trocadas nos últimos dias pelo presidente do Santos , Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, e o diretor de seleções da CBF, Andrés Sanchez, não deixaram o atacante Neymar contente. O mandatário do time paulista criticou bastante a CBF, por conta do cansaço ao qual a Joia foi exposta, e ainda sugeriu uma espécie de “complô” de Andrés e, também, do técnico canarinho, Mano Menezes, para favorecer ao Corinthians nesta reta final de Copa Libertadores da América.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

Neymar afirmou que vai fazer um churrasco para reconciliar Laor e Andrés Sanchez
Futura Press
Neymar afirmou que vai fazer um churrasco para reconciliar Laor e Andrés Sanchez

Preocupado com o assunto, o camisa 11 santista prometeu que irá tentar aparar as arestas entre o presidente do time da Vila Belmiro e o antigo mandatário corintiano. “Vou fazer um churrasco, chamar os dois e vai ficar tudo certo”, disse Neymar .

Leia mais:  Firme, Neymar nega suposto cansaço: “Vamos para o pau"

Indagado sobre quem teria razão no episódio, o astro alvinegro se esquivou e não tomou partido de nenhum dos dois. “São dois dirigentes que eu gosto muito. Esse é um problema deles”, ponderou.

Neymar ainda aproveitou para voltar a negar que a recente série de amistosos com a seleção brasileira (Estados Unidos, México e Argentina) tenha ocasionado qualquer problema no que diz respeito ao seu desempenho no Santos .

Confira ainda:  Benfica ignora Santos e cobra retorno de Alan Kardec

“Não voltei esgotado por causa da Seleção. Acabou uma partida, no dia seguinte eu já estou pronto para outra. Isso não me afeta. Voltei com 1 kg a mais dessa viagem com a seleção, o que para mim é bom, porque preciso ganhar peso mesmo. Minha cabeça está boa e feliz. Estou preparado para dar o meu melhor amanhã”, concluiu a Joia, ao falar sobre o duelo com o Timão, na noite desta quarta-feira, no Pacaembu, que define o finalista brasileiro da Libertadores.

Se o Peixe ganhar por 1 a 0, a definição da vaga vai para as cobranças de pênaltis. Porém, caso os santistas vençam por qualquer outro placar, estarão automaticamente classificados para a decisão do torneio.

Entre para a torcida virtual de Corinthians e Santos:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.