Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Contra o Corinthians, Neymar precisa superar “inferno astral”

O melhor jogador do futebol brasileiro marcou apenas um gol nos últimos seis jogos e foi anulado pela marcação adversária

João Pontes - iG São Paulo |

Gazeta Press
Neymar tenta completar cruzamento na derrota do Santos para o Corinthians

Neymar é a grande esperança do Santos para superar o Corinthians na semifinal da Copa Libertadores. No entanto, o atacante vive um dos piores momentos da carreira. Desde a conquista do Paulistão, no dia 13 de maio, o atacante não é mais o mesmo. Principal jogador do time da Vila Belmiro, Neymar precisa brilhar para acabar com o "inferno astrol". Em caso de eliminação, nesta quarta-feira, no Pacaembu, o camisa 11 corre o risco de virar vilão.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Vamos lutar, correr e fazer de tudo para vencer. Vamos pro pau. Esperamos fazer os gols necessários para conseguir a vaga. Meu papel é ajudar o Santos, independentemente de marcar gols ou não. Se não fizermos por merecer, não vamos ganhar", disse o atacante.

Contra o Vélez, pelas quartas de final da Libertadores, o camisa 11 foi anulado pela eficiente marcação do time argentino em ambas as partidas. Depois, pela seleção brasileira, recebeu críticas até de Pelé e, mais uma vez, foi ofuscado por Lionel Messi. No clássico contra o Corinthians, pela primeira partida das semifinais, o craque santista também não brilhou.

Leia mais: Torcida vai ao CT do Santos, faz festa e cobra vitória contra Corinthians

AE
Neymar caído no gramado da Vila. Joia santista está tendo muita dificuldade para brilhar

Nesses seis últimos jogos disputados, Neymar marcou apenas um gol, em cobrança de pênalti, contra os Estados Unidos. “Você vê que o Neymar tem dificuldade de jogar contra defensores europeus ou latinos. Quando joga aqui no Campeonato Paulista é outra coisa”, cornetou Pelé.

Preocupado com o desempenho de seu principal jogador, Luis Álvaro, presidente do Santos, colocou a culpa na seleção brasileira e detonou o técnico Mano Menezes. “O Neymar voltou para o Santos acabado, abaixo do peso, e abalado psicologicamente por causa da derrota para a Argentina. Estão matando nossa galinha dos ovos de ouro”, disse o cartola.

Veja também: Corintianos treinam pênaltis e dizem que estão preparados para tudo

Para o volante Arouca, a semana de descanso que Neymar ganhou de Muricy Ramalho será decisiva para o atacante comandar o Santos no clássico desta quarta-feira – o camisa 11 foi poupado da partida contra o Flamengo, no último domingo, pelo Brasileirão.

“O Neymar tem mostrado que está descansado, está treinando muito forte e aparenta estar muito bem. Com certeza vai ser um jogo bem melhor, não só para ele, mas também para o todo time”, comentou.

Neymar após a conquista do Paulistão:

Vélez 1 x 0 Santos - quartas de final da Libertadores

Santos 1 x 0 Vélez - quartas de final da Libertadores

Brasil 4 x 1 Estados Unidos - amistoso (1 gol)

México 2 x 0 Brasil - amistoso

Argentina 4 x 3 Brasil - amistoso

Santos 0 x 1 Corinthians - semifinal da Libertadores

Entre para a torcida virtual do seu time e o ajude na briga pelo topo do ranking  

Leia tudo sobre: NeymarSantosCorinthiansLibertadores 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG