Clube só poderá usar 25% da arquibancada inferior por conta das reformas para a Copa do Mundo de 2014

Máquinas começam a destruir o quadrante 3 da arquibancada inferior
AI Internacional/Divulgação
Máquinas começam a destruir o quadrante 3 da arquibancada inferior

O Beira-Rio está encolhendo. Pelo menos de forma momentânea. Nesta terça-feira os operários começaram a destruição do terceiro quadrante da arquibancada inferior do estádio do Internacional , sobrando apenas 25% do local disponível para o público.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

A parte destruída nesta semana é o local que abrigava algumas torcidas do clube: a Camisa 12 e a Guarda Popular. Com quase todo o anel inferior em reformas, a capacidade do estádio cai para pouco mais de 20 mil torcedores.

Leia também: D´Alessandro rejeita nova oferta do futebol chinês

O Inter reforma seu estádio para receber cinco jogos da Copa do Mundo de 2014. As arquibancadas inferiores estão sendo refeitas no padrão exigido pela Fifa. Para compensar a perda de espaço, o clube está retirando as cadeiras do anel superior.

 Acompanhe o Brasileirão em tempo real e com estatísticas no aplicativo iG Futebol

A construção da cobertura e a reforma no gramado também estão previstas. O ‘novo’ Beira-Rio estará pronto até o fim de 2013.

Entre para a torcida virtual do Inter e ajude seu time a subir no ranking:

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.