Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Sem saber sobre seu futuro, Valdivia volta aos treinos no Palmeiras

Sequestrado na última semana, meia participa de reuniões para decidir se sai do clube

iG São Paulo | - Atualizada às

Ainda sem saber se continuará no Palmeiras, o meia Valdivia retornou às atividades com o elenco alviverde nesta sexta-feira. Vítima de um sequestro-relâmpago na última semana, o chileno realizou trabalhos físicos com todo o elenco e depois fez uma atividade com bola junto dos reservas palmeirenses, no gramado da Academia de Futebol.

Valdivia deve ficar ou deixar o Palmeiras? Opine, torcedor!

O camisa 10, que concedeu entrevista na quinta e demonstrou forte abatimento com o incidente, iniciará tratamento psicológico, enquanto sua família retornou para o Chile. Apesar disso, Valdivia - comprado pelo Palmeiras em 2010 por R$ 15,3 milhões -, disse que não usará o incidente para forçar sua saída do clube e deve decidir seu futuro entre duas e três semanas.

VEJA TAMBÉM: Valdivia não diz se fica e revela que mulher foi abusada

Gazeta Press
Valdivia fez atividades ao lado dos reservas

Em meio à indefinição que ronda o futuro do camisa 10, os titulares palestrinos na vitória sobre o Grêmio, por 2 a 0, pela semifinal da Copa do Brasil, realizaram um trabalho de recuperação, enquanto o restante do elenco - entre eles Cicinho e Mazinho, que entraram no segundo tempo do jogo com o time gaúcho - ficou no gramado.

E MAIS: Valdivia diz que bandido ligou para amigos e celebrou sequestro de famoso

Desta forma, o técnico Luiz Felipe Scolari não dá pistas sobre a equipe que atuará pelo Brasileiro. Com a partida de volta pela Copa do Brasil marcada para a próxima quinta, o time antes enfrenta, no domingo, o Vasco, em busca da primeira vitória no Nacional - até o momento, o time tem um retrospecto de três derrotas e um empate.

CONFIRA: Valdivia se emociona com vitória sobre o Grêmio e apoio do Palmeiras

Na atividade, o atacante Maikon Leite, que pode ser uma opção para enfrentar o clube carioca, sofreu uma pancada no rosto e deixou a atividade alegando tontura. Ainda assim, o camisa 7 não deve ser problema e segue como opção para o jogo marcado para as 16h (horário de Brasília), na Arena Barueri.

Ajude o Palmeiras a aumentar sua torcida virtual

Leia tudo sobre: PalmeirasValdivia

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG