Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Blatter admite usar tecnologia para dúvidas em gols na Copa de 2014

"A Fifa não pode repetir a mesma situação que enfrentamos naquela partida", disse o presidente fazendo alusão ao gol do meia Lampard, não assinalado na Copa de 2010

Reuters |

EFE
Blatter admitiu a utilização de tecnologia na linha do gol em 2014

A Fifa está decidida a incorporar na Copa do Mundo de 2014 a tecnologia de linha de gol para ajudar nas decisões que geram dúvidas aos árbitros, disse nesta sexta-feira no Uruguai o presidente da entidade.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

O polêmico gol do inglês Frank Lampard contra a Alemanha no Mundial de 2010, na África do Sul, que foi anulado apesar de as imagens mostrarem que a bola havia cruzado a linha, motivou a implementação deste tipo de ferramenta nas partidas de futebol.

Leia mais:Fifa testará tecnologia na linha do gol em jogo oficial

"A Fifa não pode repetir a mesma situação que enfrentamos naquela partida", disse Joseph Blatter em entrevista coletiva em Montevidéu. "Eu não posso ir à Copa do Mundo de 2014 sem este sistema", afirmou o chefe da entidade que controla o futebol mundial.

E mais:International Board estudará substituição extra em jogos com prorrogação

No entanto, a decisão dependerá do comitê que regula as regras do esporte, o International Board, que se reunirá em Zurique em 5 de julho para discutir o assunto.

Confira ainda:Fifa apoia tecnologia anti-erros na Copa das Confederações

Blatter destacou que não está previsto incluir outro tipo de tecnologia no futebol. Sobre os preparativos do Brasil para a Copa, o dirigente afirmou que a Fifa é "muito consciente de alguns problemas", mas se mostrou confiante num bom desempenho e que a infraestrutura necessária estará pronta a tempo.

"O Brasil vai organizar uma Copa do Mundo excepcional. O país que neste momento ocupa a posição número seis entre as potências econômicas não pode falhar", declarou.

Leia tudo sobre: joseph blatterfifacopa 2014tecnologiainternational board

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG