Presidente santista insinuou favorecimento a corintianos e diretor da CBF diz que declaração é de derrotado

Andrés Sanchez visitou o Itaquerão nesta sexta
Futura Press
Andrés Sanchez visitou o Itaquerão nesta sexta

Um dia depois de o presidente do Santos , Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, declarar que acha estranho que nenhum jogador do Corinthians tenha sido convocado para a última série de amistosos da seleção brasileira , Andrés Sanchez, ex-presidente corintiano e diretor de seleções da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), rebateu o “amigo”.

Quem está certo nesta história: Corinthians ou Santos? Comente!

Dizendo estar “profundamente triste” pela insinuação de favorecimento em meio ao confronto de Corinthians e Santos na Libertadores , Sanchez julgou como “discurso de derrotado” a frase de Laor depois do triunfo corintiano por 1 a 0 na partida de ida , na Vila Belmiro.

Veja fotos do clássico Santos x Corinthians pela semifinal da Libertadores


VEJA TAMBÉM:  Luis Alvaro diz que seleção prejudica Santos e Neymar

“O que tenho certeza e fico triste, porque conheço o Luís Álvaro, e que me chateou muito é que ele, conhecendo o presidente Marin e me conhecendo, não poderia falar de complô. Ano passado eles foram convocados e o Santos foi campeão da Libertadores. E ele deu uma declaração como se estivesse derrotado”, disse Andrés, ao lado de José Maria Marin, presidente da CBF, em visita às obras do estádio do Corinthians em Itaquera .

E MAIS:  Neymar diz que Santos fará de tudo para reverter resultado

Andrés provocou e disse que o próprio Laor pediu para que o volante Arouca fosse convocado.Nos jogos feitos pela seleção nos Estados Unidos, Neymar e Rafael foram os jogadores do Santos convocados.

CONFIRA AINDA:  Jornal argentino ironiza atuação de Neymar contra o Corinthians

“Ele (Laor) queria que se convocasse o Arouca. Então ele deve ser o chefe do complô. Fiquei triste por isso. Ele colocou a CBF, o treinador, o meu nome em questão. A seleção está no caminho certo, num momento de harmonia e um presidente de clube não poderia dizer isso. Se ele não está satisfeito é só pedir pela desconvocação do Neymar, o melhor jogador do Brasil, que está tudo certo”, comentou Sanchez.

Entre para a torcida virtual de seu time e comente a notícia com outros torcedores

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.