Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Punido pelo STJD, Anselmo Ramon não encara o Figueirense

Atacante do Cruzeiro pegou dois jogos de suspensão por ofender árbitro na estreia do Brasileirão

Frederico Machado - iG Belo Horizonte |

O técnico Celso Roth ganhou um desfalque inesperado para montar o Cruzeiro no duelo contra o Figueirense, no próximo sábado. O atacante Anselmo Ramon foi julgado na noite da última quarta-feira no STJD e pegou duas partidas de suspensão por conta de uma ofensa ao árbitro que apitou a estreia do time celeste no Brasileirão.

Leia também: Cruzeiro confirma conversas com atacante Rafael Moura, do Flu

Anselmo Ramon foi julgado pela expulsão na partida contra o Atlético-GO, em Uberlândia. O atacante entrou no segundo tempo e ofendeu o árbitro Pericles Bassols Cortez, que relatou na súmula: "filho da p...". Revoltada com a postura do jogador, a diretoria do Cruzeiro aplicou uma multa ao mesmo, que não teve seu valor revelado.

Acompanhe o Brasileirão em tempo real pelo Aplicativo iG Futebol

O jogador foi acusado com base no artigo 243-F do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD),”ofender alguém em sua honra”, e poderia pegar de um a seis jogos de gancho. A punição foi de duas partidas, mas como o atacante já cumpriu a suspensão automática, só precisa ficar de fora em mais uma partida.

Anselmo Ramon não vinha sendo titular do Cruzeiro, já que a dupla de ataque tem sido montada com Wellington Paulista e Fabinho. Todavia, o atacante tem entrado no segundo tempo como boa opção para Celso Roth.

Entre para a torcida virtual do Cruzeiro e comente a ausência de Anselmo Ramon

Leia tudo sobre: CruzeiroAnselmo RamonSTJDBrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG