Em recuperação de um transplante de fígado, o francês Eric Abidal viajará a Kiev para acompanhar o jogo de sua seleção pela Euro 2012

Estadão Conteúdo

 Jogador do Barcelona, Abidal passou por um transplante de fígado há 2 meses
AFP
Jogador do Barcelona, Abidal passou por um transplante de fígado há 2 meses

Dois meses após passar por um transplante de fígado,  Éric Abidal viajará a Kiev para assistir à partida da seleção francesa diante da Suécia se for liberado pelos médicos. Ele foi convidado pela federação de futebol de seu país para acompanhar o confronto, válido pela última rodada do Grupo D da Eurocopa , na próxima terça-feira.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Eu convidei o Éric. Conversei com ele diversas vezes por telefone antes de vir para a Ucrânia. Fizemos planos para que ele viesse, se os médicos autorizassem", declarou o presidente da Federação Francesa de Futebol, Noel Le Graet. "Ele chegaria na tarde do dia da partida e ficará conosco antes de ir embora no dia seguinte", completou.

Relembre: Abidal recebe alta 40 dias após transplante de fígado

Abidal descobriu um tumor no fígado em 2011 e passou por uma cirurgia em março do mesmo ano. Com uma recuperação surpreendente, voltou a atuar no final da temporada , ajudando o Barcelona a conquistar a Liga dos Campeões da Europa de 2010/2011. No início de 2012, no entanto, o jogador foi informado que precisaria de um transplante no local, realizado em março.

Leia mais: Veja quem são as gatas da primeira rodada da Euro 2012

"A saúde dele está melhorando e evoluindo muito", afirmou Le Graet. "Assim que começou a se sentir melhor, só queria falar sobre esta viagem (para a Ucrânia)", completou o dirigente francês.

Vote: Qual seleção tem as camisas mais bonitas da Euro 2012? Veja fotos

Mesmo veterano, aos 32 anos, Abidal vinha sendo presença frequente na seleção francesa e sua participação na Eurocopa era dada como certa até a necessidade do transplante. Agora, o jogador luta para se recuperar antes de saber se terá condições de continuar sua carreira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.