Tamanho do texto

Dono de 12 gols em 25 partidas disputadas pelo Palmeiras, atacante argentino diz que a bola chega pouco no ataque da equipe

Barcos, atacante do Palmeiras
AE
Barcos, atacante do Palmeiras

O atacante Hernán Barcos espera voltar a fazer gols com maior frequência. Diante da má fase do Palmeiras no Campeonato Brasileiro , o argentino lamenta o fato de não estar recebendo assistências mais claras para balançar as redes adversárias.

Deixe seu recado e comene a notícia com outros torcedores

"A bola chega pouco e quase nunca é com chance clara de gols", afirmou Barcos. "Às vezes, vamos à frente e erramos o último passe ou, então, temos que brigar bastante para termos uma oportunidade. Assim é difícil, mas temos que levantar a cabeça e seguir trabalhando."

Acompanhe o Brasileirão em tempo real e com estatísticas no aplicativo iG Futebol

Desde que chegou ao Palmeiras, Barcos disputou 25 partidas, sendo 24 como titular, e marcou 12 gols. Agora, o argentino é a grande esperança da equipe palmeirense para o duelo contra o Grêmio pela semifinal da Copa do Brasil.

Leia ainda: Libertadores e Copa do Brasil prejudicam finalistas no Brasileirão

Apesar de reclamar da falta de oportunidades, Barcos mostra-se confiante de que o técnico Luiz Felipe Scolari vai corrigir o problema. "Acho que ele é inteligente e sabe o que tem de fazer", disse o argentino.

Veja a classificação do Campeonato Brasileiro

Mesmo chateado com a derrota por 1 a 0 para o Atlético-MG, na noite de sábado, o atacante promete se reerguer para a partida contra o Grêmio. "Atacante vive de gols e, quando a bola não vem, é muito feio, mas temos que levantar a cabeça e seguir trabalhando", concluiu.

Entre para a torcida virtual do Palmeiras

*Com Gazeta