Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Na volta de Dedé, Vasco enfrenta o Bahia tentando manter invencibilidade

Zagueiro só não foi confirmado se começa jogando ou fica no banco neste domingo, pela 4ª rodada do Brasileirão

Hilton Mattos -iG Rio de Janeiro | - Atualizada às

Único invicto no Campeonato Brasileiro, o Vasco entra em campo na tarde deste domingo, em Pituaçu, para defender a liderança isolada da competição, contra o Bahia, às 17h, pela quarta rodada. Com nove pontos, o time dirigido por Cristóvão Borges garantiu 100% de aproveitamento e tem como principal objetivo se distanciar dos adversários para acumular pontos que poderão fazer a diferença mais à frente.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores 

AP
Dedé retorna ao Vasco após dois meses sem jogar

A novidade para este compromisso é o retorno do zagueiro Dedé. O jogador não entrava em campo há dois meses, vítima de um edema ósseo na fíbula da perna esquerda, e foi confirmado pelo técnico Cristóvão Borges na lista dos atletas que viajaram para Salvador. O treinador, no entanto, só não divulgou a escalação. Ele faz mistério se começa a partida com o Mito ao lado de Renato Silva na zaga ou se o deixa no banco de reservas.

Leia mais: Cristóvão confirma Dedé contra o Bahia neste domingo

Após a eliminação na Libertadores, a equipe de São Januário concentrou suas forças no Brasileirão. Em 2011, o título foi disputado com o Corinthians até a última rodada, mas acabou indo para o Parque São Jorge por diferença de dois pontos. Este ano, o atual campeão está mal das pernas, já que vem priorizando o torneio sul-americano. Com apenas um ponto, amarga a zona de rebaixamento, ao lado de Palmeiras, Portuguesa e Náutico.

A Liderança cruzmaltina se deve ao empate do Atlético-MG e à derrota de virada do Botafogo no meio de semana. Com isso, a partir de agora, a turma de pelotão na cola dos cruzmaltimos vai tentar tirar o “selinho” do time. Para o volante Nilton, será uma obsessão para as equipes que enfrentarem Vasco querer acabar com a invencibilidade vascaína.

Confira ainda: Nilton sabe que adversários vão querer tirar "selinho" do Vasco

Mas, por enquanto, a ordem é somar pontos. E, para isso, o time terá a base que há várias rodadas vem atuando junta. Juninho Pernambucano foi poupado dos dois últimos treinos, mas está confirmado no meio-campo. Na lateral esquerda, Thiago Feltri também está de volta. O jogador não atuava desde a derrota de 1 a 0 para o Corinthians, na eliminação na Libertadores. Recuperado de um estiramento muscular, volta ao time. Com isso, Felipe como opção no banco de reservas novamente como meia.

E mais: Feltri treina e deve voltar à lateral do Vasco contra o Bahia

Uma das principais armas do Vasco é o atacante Alecsandro. Artilheiro do time na temporada, com 19 gols, o jogador é também um dos principais goleadores do campeonato. Já balançou a rede quatro vezes, sendo as duas últimas na vitória de 4 a 2 sobre o Náutico, quarta-feira. O segredo para o bom momento da equipe, segundo o camisa 9, foi a boa pré-temporada

AE
Alecsandro fez belo gol de bibicleta contra a Lusa e vem sendo destaque do Vasco no Brasileirão

 “Fizemos um trabalho sério e importante no começo do ano. A pré-temporada ajuda bastante no condicionamento e na prevenção de um time. Sem falar que a base da equipe foi mantida do ano passado e somos um grupo unido, que se respeita e está atrás dos mesmos interesses aqui dentro”, disse Alecsandro.


Confira a classificação atualizada do Brasileirão

O técnico Cristóvão Borges destaca a maturidade da equipe. Embora o Vasco mantenha sua base, vez por outra sai um ou jogador. Ultimamente, o time não vem contanto com Rômulo e Dedé, por exemplo - o primeiro por servir à seleção brasileira; o outro por lesão.

Hoje, Juninho é o dono na posição no meio, mas antes vivia fazendo rodízio com Felipe. Na lateral, Feltro desfalcou a equipe, e no ataque Eder Luis passou boa parte da temporada fora por lesão. Assim mesmo, o Vasco faz boas apresentações.

“Nosso consegue manter o bom nível de atuação. A gente consegue troar algumas peças e o padrão não cai. Isso acaba sendo um diferencial. Hoje sabemos que podemos contar não apenas com 11, mas com um grupo de jogadores”, discursou Cristóvão.

FICHA TÉCNICA – BAHIA x VASCO
Local: Estádio Pituaçu, Salvador (BA)
Data: 10 de junho de 2012, domingo
Horário: 16h (Horário de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Auxiliares: Carlos Berkenbrock (SC/Fifa) e Nadine Camara (SC)

BAHIA: Marcelo Lomba; Fabinho, Danny Morais, Titi e Ávine; Fahel, Diones, Gabriel e Diego; Jones e Lulinha

Técnico: Falcão

VASCO: Fernando Prass; Fágner, Renato Silva, Dedé (Rodolfo) e Thiago Feltri; Nilton, Fellipe Bastos, Juninho Pernambucano e Diego Souza; Eder Luis e Alecsandro
Técnico: Cristóvão Borges

Leia tudo sobre: dedévascobrasileirão 2012bahia

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG