Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Para Prass, vencer em casa é dever para quem quer ser campeão

Alecsandro volta a dar voto de confiança à diretoria e diz que jogadores jamais fizeram corpo mole

Hilton Mattos - iG Rio de Janeiro |

Os jogadores do Vasco deixaram o campo de jogo com a sensação de dever cumprido. A vitória de 4 a 2 sobre o Náutico, na noite desta quarta-feira, em São Januário, manteve o time nas primeiras posições do Campeonato Brasileiro, com nove pontos em três partidas. O goleiro Fernando Prass destacou que o dever de casa vem sendo feito, já que o objetivo é disparar na liderança, repetindo o Corinthians em 2011.

Veja a classificação completa do Brasileirão

“Foi ótimo o resultado. Quem consegue três vitórias em três jogos sabe que está acumulando uma boa gordura. E outra coisa: time que quer ser campeão tem que vencer em casa, não pode pensar em desperdiçar pontos bobos", frisou o camisa 1 de São Januário.

Gazeta Press
Alecsandro marcou duas vezes contra o Náutico


Na tarde desta quarta-feira, a diretoria vascaína quitou parte da dívida com os jogadores. Os salários caminhavam para o terceiro mês atrasados. Sem contar que alguns atletas estão há nove sem receber o direito de imagem. O gesto dos dirigentes não deixou de animar o grupo, que vem dando voto de confiança aos cartolas.

Artilheiro, Alecsandro diz que em casa entra com a missão de marcar

Um dos principais líderes do grupo, o atacante Alecsandro fez questão de elogiar a diretoria. Mas destacou o comprometimento dos jogadores, alegando que mesmo sem receber o time jamais deixou que os problemas de fora prejudicassem o trabalho de campo.

“A diretoria foi brilhante, procurando recursos e buscamos fazer a nossa parte dentro de campo. Sabíamos que precisávamos vencer. O forte do Vasco é a união do grupo nesses momentos. Mostramos isso mais uma vez”, afirmou Alecsandro.

Leia tudo sobre: vascoFernando Prassbrasileirão 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG