TJD-RJ não inclui na pauta desta semana julgamento do recurso aos punidos contra o Flamengo e jogadores decidem Taça Rio

O Vasco segue com sua força máxima nas finais do Campeonato Carioca . Depois de escalar quatro jogadores punidos pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Rio no clássico de domingo com o Flamengo (3 a 2) , o técnico Cristóvão Borges mais uma vez terá Fágner, Fellipe Bastos, Eduardo Costa e Rodolfo à disposição – agora contra o Botafogo, no fim de semana, na decisão da Taça Rio. Isso porque o TJD não incluiu na pauta desta semana o recurso do clube solicitando novo julgamento.

Vascaínos tentaram agredir árbitro após o jogo
Futura Press
Vascaínos tentaram agredir árbitro após o jogo
Os quatro atletas citados foram punidos pelo Tribunal na quarta-feira . A pena é referente aos incidentes ocorridos contra a mesma equipe rubro-negra no dia 7 de abril, quando o quarteto cercou o árbitro Wagner dos Santos Rosa em razão da marcação de um pênalti sobre Léo Moura, já nos acréscimos, e convertido por Ronaldinho Gaúcho. Os jogadores lamentaram a derrota de 2 a 1 alegando que o juiz deixara de assinalar falta dentro da área sobre Thiago Feltri.

Como a lei determina que acima de duas partidas de suspensão cabe recurso, o clube vai tentar reduzir a pena dos jogadores. Rodolfo e Eduardo Costa foram punidos com oito jogos de suspensão; enquanto Fágner e Fellipe Bastos, com seis. Diego Souza foi o único absolvido.

No entanto, enquanto no julgamento não for marcado, os atletas vão jogando sob o efeito suspensivo protocolado na última sexta-feira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.