Roger diz que América-MG menosprezou Cruzeiro e pede respeito

Meia desabafou depois de marcar um gol no fim da partida e alfinetou o adversário

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

Vipcomm
América-MG vencia por 3 x 0, mas tomou dois gols
O meia Roger foi um dos principais nomes do Cruzeiro na derrota para o América-MG, nesse domingo, em Sete Lagoas. Ao final da partida, o armador carioca desabafou e disse que os adversários menosprezaram o Cruzeiro quando a partida estava 3 x 0 e pediu respeito.

Leia também: Cruzeiro confirma a contratação do meia Souza, do Fluminense

Ao marcar o terceiro gol do América-MG, o atacante Alessandro fez gesto com as mãos indicando que a parada já estava resolvida. Roger não gostou nada da atitude dos americanos.  "Cruzeiro tem que ser respeitado. Eles falaram que tinha acabado quando estava três a zero. Vamos ver se acabou na semana que vem, no próximo jogo", ameaçou Roger.

Para o armador cruzeirense, o América-MG menosprezou o Cruzeiro quando tinha a vantagem no placar. "Isso aqui é Cruzeiro, o maior clube de Minas Gerais. Maior torcida, que empurra. Na base do abafa, da pressão, da camisa que pesa e assusta, diminuímos. Quando eles veem esse azul do outro lado se assustam. O América-MG menosprezou o Cruzeiro e vamos ver na semana que vem", disse.

Depois da partida, Alessandro se defendeu. "Cada um comemora da forma que acha melhor. Eles estão criando uma situação para levar para o segundo jogo. Roger deu declarações dizendo que América tinha um timezinho bom. Não menosprezamos o Cruzeiro. Pelas declarações que vimos, o menosprezo veio do Cruzeiro. Entramos focados e fizemos o resultado", explicou-se o atacante americano.

Entre para a torcida virtual do Cruzeiro e comente as declarações de Roger

    Leia tudo sobre: CruzeiroAmérica-MGRogerCampeonato Mineiro 2012

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG