Depois da vitória, Mancini cobra mais equilíbrio do Cruzeiro

Treinador vê altos e baixos durante as partidas e pede que time oscile menos

Frederico Machado, iG Belo Horizonte |

O Cruzeiro tem sido uma verdadeira "montanha russa" nos últimos jogos. O time tem oscilado bastante ao longo dos 90 minutos, fator que não tem agradado em nada o técnico Vágner Mancini . O treinador cobra mais equilíbrio de sua equipe, especialmente pela série de jogos decisivos na sequência do Mineiro e da Copa do Brasil.

Depois da vitória de virada sobre a Chapecoense , Mancini viu um time no primeiro tempo e outro no segundo. "Entramos um pouco mais morno do que deveria ser. Erros de posicionamento, não fizemos o que poderíamos fazer. Demos muitas chances para a Chapecoense jogar no nosso campo. Houve irritação do estádio, torcedor exigiu. No segundo tempo não, voltamos mais atentos. Tivemos mais a posse de bola, chutamos mais e fizemos o placar", analisou o treinador.

Apesar dos altos e baixos, Mancini acredita que o Cruzeiro está evoluindo na Copa do Brasil. "Acho que estamos amadurecendo. Iniciamos no Acre eliminando o jogo da volta. Contra a chapecoense foi um dos adversários mais difíceis de segunda fase. Hoje estamos num estágio mais amadurecido, mas falta muita coisa. Atlético-PR será mais difícil ainda. Mas esperávamos isso, que fosse afunilando e ficando mais difícil", comentou o treinador.

Sobre a desconfiança do torcedor, que chegou a vaiar o time no primeiro tempo, Mancini lida com naturalidade. "Torcedor que espetáculo. Acredito no nosso time. Sei que temos oscilado, mas isso faz parte do jogo. Dá para fazer ajustes na sequência", concluiu o treinador.

Entre para a torcida do Cruzeiro e comente a vitória sobre a Chapecoense

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG