Centroavante marcou o gol da vitória sobre o Arsenal de Sarandí aos 47 minutos do segundo tempo

Ele aceita o apelido, mas não a condição de super-herói. Responsável pelo gol que garantiu a vitória de 2 a 1 do Fluminense sobre o Arsenal de Sarandí, aos 47 minutos do segundo tempo, e que confirmou a primeira colocação geral na Copa Libertadores, 'He-Man' minimizou a condição de salvador do time carioca na noite desta quarta-feira.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Apagado durante quase toda a partida, Rafael Moura aproveitou uma das raras oportunidades que teve em um belo 'peixinho', após cruzamento de Lanzini. Emocionado com o triunfo, o atacante optou por destacar a união do elenco tricolor nesta temporada.

Leia mais: Fluminense vence no último minuto e confirma 1º lugar geral

“Não foi um gol de quem tem estrela, mas de quem trabalha muito, sofre e se emociona. Sou apenas um ser humano normal, que também erra como todos os outros", destacou Rafael Moura, logo após o término da partida em Buenos Aires. "Eu tenho é que exaltar o grupo do Fluminense. Esse elenco é maravilhoso e te dá todas as condições para trabalhar e desenvolver o seu futebol", disse.

Veja mais: Lesionado, Wellington Nem pode perder oitavas da Libertadores

O gol também 'livrou a cara' do meia Thiago Neves, que perdeu um pênalti aos 42 minutos do segundo tempo, com o volante Torres no gol, já que Campestrini foi expulso no lance e o Arsenal já havia realizado três substituições. Rafael Moura, que também havia perdido uma cobrança de penalidade contra o Boca Juniors, na última quarta-feira, ofereceu a vitória para o amigo.

Veja também: Apesar de vitória e 1º geral, jogadores criticam atuação do Flu

"É uma situação difícil. Aconteceu comigo e hoje com o Thiago, que é um grande batedor. Contra o Boca, eu perdi um pênalti e saí como culpado, mas hoje conseguimos vencer, então esta vitória é para o Thiago Neves", completou o atacante, que chegou ao 16º gol em 30 jogos de competições internacionais pelo Fluminense.

Com a vitória, o Fluminense chegou aos 15 pontos em seis jogos, na liderança geral da fase de grupos, podendo decidir sempre a segunda partida em casa. Emelec, Inter e Cruz Azul podem ser os adversários do time carioca nas oitavas de final, que ainda não têm data confirmada.

Ajude o time do Fluminense a subir no ranking da Torcida Virtual

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.