Homenagem ao ex-presidente foi aprovada de maneira unânime pelos 27 presidentes das federações de futebol

Teixeira em encontro com Ronaldo antes de deixar a CBF
Getty Images
Teixeira em encontro com Ronaldo antes de deixar a CBF
O ex-presidente da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), Ricardo Teixeira , foi homenageado em assembléia realizada nesta segunda-feira, na sede da entidade, no Rio de Janeiro. Os presidentes das 27 federações do futebol brasileiro aprovaram de maneira unânime o título de patrono permanente da confederação para o ex-cartola.

Leia também: Oposto de Teixeira, Marin comete gafes e provoca risos em coletiva

Ricardo Teixeira foi presidente da CBF entre 1989 e março de 2012, quando renunciou ao cargo por conta das denúncias de corrupção e falta de trânsito com membros do alto escalão do governo. Doente, o cartola foi substituído por José Maria Marin, vice-presidente mais idoso, que assumiu as funções na entidade máxima do futebol brasileiro.

Presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio trata Ricardo Teixeira como morto

Além do título, a assembléia na CBF também serviu para a aprovação de contas e resoluções da presidência.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.