Tamanho do texto

Resultado é ruim para o time carioca, que não encosta nos líderes. Santos ganha uma posição e é o 10º

nullEra improvável que a histórica partida entre Santos e Flamengo do primeiro turno se repetisse. Sem craques como Ronaldinho Gaúcho , Thiago Neves , Ganso , Elano e Borges , as duas equipes fizeram uma boa partida neste domingo, no Engenhão, e empataram em 1 a 1, em um jogo emocionante, mas de longe sem o brilho do confronto do primeiro turno. O resultado é ruim para o Flamengo, que perde a oportunidade de encostar nos líderes e permanece na 4ª colocação, com 52 pontos. Já o Santos sobe para o 10º lugar, 42 pontos.

Confira a classificação e a tabela de jogos do Campeonato Brasileiro

O primeiro tempo foi muito fraco, com poucas chances de gol e muito respeito entre as duas equipes. Na segunda etapa, Alan Kardec foi derrubado por Alex Silva aos três minutos e Neymar colocou o time alvinegro em vantagem. Porém, com a entrada dos garotos Vander, Diego Maurício e Thomas, o Flamengo melhorou no jogo e chegou ao empate com Deivid, de cabeça, aos 32 minutos, após cruzamento de Junior Cesar.

Veja também: Neymar reclama da arbitragem e ignora descanso no Brasileirão

Estrela solitária no duelo, Neymar criou chances de gol, deu lindos dribles e levantou a torcida, principalmente a feminina, que levou até faixas para o jogador, mas não conseguiu dar a vitória para o time visitante.

Leia mais: Luxemburgo reclama de proteção exagerada da arbitragem em Neymar

Na próxima rodada o Flamengo vai até Porto Alegre, onde enfrenta o Grêmio no domingo, às 16h, no estádio Olímpico. Antes, na quarta-feira, a equipe carioca viaja para Santiago, onde enfrenta o Universidad de Chile, pela segunda partida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. Já o Santos recebe o Atlético-PR no sábado, às 18h, no Pacaembu, também pela 32ª rodada do Brasileirão.

O Jogo
Após todo mistério sobre a escalação do Flamengo durante a semana, já que Thiago Neves e Ronaldinho Gaúcho estavam suspensos, o técnico Vanderlei Luxemburgo optou pela experiência, escalando Maldonado, Willians e Renato no meio-campo, e Negueba, Deivid e Jael no ataque. No Santos, Rentería ficou com a vaga de Borges, também suspenso.

As duas equipes começaram a partida se respeitando e estudando o adversário. O Flamengo cadenciava mais a bola e avançava praticamente só pelo lado direito de seu ataque, com Léo Moura e Negueba se revezando nas investidas contra Durval, zagueiro que foi improvisado na lateral-esquerda por conta da ausência de Léo. No Santos, Neymar, com liberdade para circular pelo meio e ataque, eram quem mais levava perigo. Arouca, como homem surpresa pela direita, também ajudava na construção das jogadas.

Veja também: Flamengo perde Negueba e Maldonado para enfrentar o Grêmio

O primeiro lance de maior perigo só aconteceu aos 21 minutos da primeira etapa. Rentería recebeu passe em profundidade de Neymar e tentou encobrir o goleiro Felipe, que se recuperou e fez bela defesa no estádio Engenhão. Com o passar dos minutos, o jogo caiu tecnicamente. O Flamengo tinha mais posse de bola, mas não ameaçava, assim como o Santos, que apesar dos belos lances individuais de Neymar, levava pouco perigo nos contra-ataques.

Leia mais: Dracena pede folga e alega que cansaço faz Santos passar sufoco

Apenas nos minutos finais o Flamengo reagiu. Aos 40, Renato cobrou escanteio e Jael subiu sozinho, mas a cabeçada saiu por cima, raspando o travessão do goleiro Rafael, eu voltou a trabalhar aos 43, após chute de Junior Cesar, e aos 46, em boa finalização de Jael, que recebeu na área com a defesa santista saindo para deixar o jogador impedido.

Jogo melhora e Santos marca
As duas equipes voltaram sem mudanças para a segunda etapa, mas a partida melhorou. Aos três minutos, Alan Kardec entrou driblando na área do Flamengo e foi derrubado por Alex Silva. Pênalti que Neymar cobrou com categoria, no canto direito de Felipe, que nem saiu na foto. Vantagem para os visitantes no Engenhão.

Com o gol, o Flamengo passou a buscar mais o ataque, mas deixava espaços na defesa. E foi em um contra-ataque perigoso, aos 10 minutos, que Neymar arrancou do campo de defesa, passou por dois adversários, recebeu na frente e foi derrubado na área, pedindo pênalti de Welinton. O árbitro mandou o lance seguir.

Tentando dar mais velocidade no ataque, Luxemburgo trocou Negueba e Jael por Vander e Diego Maurício, respectivamente. E o gol de empate veio aos 16 minutos, mas foi anulado. Renato cobrou escanteio, Welinton escorou e Alex Silva completou de cabeça, em posição legal, mas a jogada foi equivocadamente parada pela arbitragem.

Flamengo se recupera e empata
O Flamengo continuou melhor na partida após as mudanças. Diego Maurício teve duas oportunidades de marcar, mas desperdiçou. De tanto pressionar, o time da casa chegou ao empate. Aos 32, Junior Cesar recebeu na esquerda e cruzou da intermediária. Deivid se antecipou aos zagueiros santistas e deu um leve desvio de cabeça, fazendo a bola bater na trave esquerda do gol de Rafael antes de entrar.

Nos minutos finais, o Flamengo tentou pressionar principalmente na base da vontade, mas não conseguiu virar a partida. O Santos, com boas jogadas de Neymar, também levou perigo, mas o empate acabou sendo o resultado mais justo para o confronto.

FICHA TÉCNICA – FLAMENGO 1 X 1 SANTOS
Local : Engenhão, no Rio de Janeiro
Data : 23 de outubro de 2011, domingo
Horário : 18h (de Brasília)
Público : 13.873 (pagantes)
Árbitro : Paulo Henrique Godoy Bezerra (SC)
Assistentes : Carlos Berkenbrock e Kleber Lucio Gil (ambos de SC)
Cartões amarelos : Negueba, Willians e Maldonado (FLA)

GOLS
Flamengo - Deivid, aos 32 minutos do segundo tempo
Santos – Neymar, aos três minutos do segundo tempo

Flamengo : Felipe, Leonardo Moura, Alex Silva, Welinton e Júnior César; Willians (Thomas), Maldonado e Renato; Negueba (Vander), Deivid e Jael (Diego Maurício)
Técnico : Vanderlei Luxemburgo

Santos : Rafael, Danilo, Edu Dracena, Bruno Rodrigo e Durval; Adriano, Arouca (Bruno Aguiar) e Henrique ; Rentería, Neymar e Alan Kardec (Ibson)
Técnico : Muricy Ramalho

Entre para a Torcida Virtual do Flamengo e comente o empate contra o Santos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.