iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

14/11 - 18:05

Victor celebra quinto pênalti defendido no Brasileiro e fala da seleção

No primeiro turno, no Estádio Olímpico, goleiro já havia defendido uma cobrança do atacante Neymar

Gazeta Esportiva

Mais uma vez decisivo no Grêmio, o goleiro Victor pegou o pênalti batido por Zé Eduardo neste sábado e garantiu o empate em 0 a 0 da equipe contra o Santos. De quebra, o arqueiro defendeu a quinta das nove penalidades contra o time gaúcho no Campeonato Brasileiro. Três resultaram em gols e uma foi batida no travessão por Rogério Ceni, no Morumbi.

Além da penalidade do atacante do Santos, o gremista já havia evitado um gol de Neymar no estádio Olímpico, em partida válida pelo primeiro turno da competição. Pegou ainda as cobranças de Paulo César, do Prudente; Iarley, do Corinthians; e Fabrício, do Ceará. Para ele, o estudo dos batedores é fundamental.

"Procuro sempre estudar os batedores dos adversários e esperar o momento da definição do chute. Também recebo videos da comissão técnica com gols de pênalti marcados no Brasileirão. A soma de tudo isso vem dando certo e ajudando a equipe a conquistar pontos, o que é o mais importante", afirmou.

Após o confronto no litoral paulista, válido pela 35ª rodada, Victor seguiu para São Paulo. Já na madrugada deste domingo, por volta das 4h20min, embarcou para Doha, onde na quarta-feira a seleção brasileira enfrenta a Argentina em amistoso. Para ele, a rivalidade com a Argentina dará a tônica do jogo.

"A viagem é longa, mas nada diminue a vontade de defender a seleção brasileira. A Argentina é nosso tradicional adversário e certamente a disputa vai ser intensa, mesmo num amistoso. Tomara que a gente consiga fechar o ano com um resultado positivo, neste novo ciclo comandado pelo Mano Menezes", completou.


Leia mais sobre: Grêmio Santos Campeonato Brasileiro Victor Seleção brasileira

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias